sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Noite Feliz - Poesia
















Vinte e quatro de dezembro
De mil novecentos e sessenta e três
Em torno das dezoito horas
Heroísa que se encontra no nono mês
Senti fortes dores de parto

Por se encontrar sozinha
E não saber o que fazer
Com cinco filhos pequenos
Pegou o trem para se auto socorrer
Deixando suas pequenas crias com a vizinha

O seu marido estava a trabalhar
Precisando de dinheiro para o seu lar
As vinte e duas horas ao em casa chegar
Descobre que a sua esposa no hospital está

Já é natal, dia vinte e cinco
Duas horas e dez minutinhos
Nasce mais um pequeno anjinho
Esse menino é muito lindo, rsss.

Parabéns mamãe e papai
Eu cresci e agora sou poeta
E aos meus caros amigos recantistas
Contar a minha história é o que me resta!

Difícil Natal - Poesia

Dingolbel, já é natal
As crianças estão em polvorosas
Todas querendo presente e aval
Para brincarem de formas maravilhosas

Os pais estão muito aflitos
Os presentes estão caros pra variar
O mundo da eletrônica está tinindo
Levando a conta corrente quebrar!

Amigos ocultos são assustadores
Presentes fora de questão
Preços dos perus devoradores
Não fazem parte do nosso ganha pão

Com o tempo o natal mudou de cara
Deixou de ser apenas familiar
É o comércio ditando a regra
Só um abraço amigo para sorte dar...

Jesus Nasceu no Natal! - Poesia

O natal chegou bem rápido
Aquecendo todos os corações
Em transe os amigos queridos
Com vontade choram de emoção

É natal, estamos em festa
Amigos se encontram nas ruas
Visitam as casas abertas
Abraços e pedidos de desculpas

Todos bebem sem parar
De casa em casa sem cessar
A alegria está no ar
É noite de se alegrar

Viva o natal, Viva Jesus.
O que? Jesus...
O que Jesus tem haver com o natal
Não é dia de beber e trocar presentes

Santa ignorância, Jesus nasceu no natal!
A ele toda honra, toda glória e poder
Pois ele é o dono da festa, ele é o tal!
E quanto a você, vai orar e agradecer...

Confraternização - Poesia

Árvore pronta e cheia de bolinhas
Crianças maravilhadas
Aguardando com as cestinhas
Esperam os seus presentes
Enquanto quebram os seus coquinhos
Seus pais não estão ausentes
Todos lindos nos seus ninhos.

É natal, momento de confraternização
Famílias inteiras reunidas
Brincando de amigos ocultos no salão
Noite bela e de grande festa
Momento de amor e reconciliação
As tristezas ficaram no passado
Tornaram-se meras reflexões.

Ninguém no mundo deve esquecer
A razão de toda essa comunhão
Jesus Cristo nasceu neste dia pra valer
Depois transformou-se objeto da salvação.
O orgulho neste espaço não pode se estabelecer
Jesus sempre foi humilde de coração
E ensinou a todos nós como viver.

O Dono da Festa! - Poesia

É natal... Vinte e cinco de dezembro
Data que representa o grande nascimento
O maior homenageado deste dia
É o amor em pessoa e viva alegria
Jesus... E nele podemos confiar...

Um dia morreu para nos salvar
Personagem de todos os momentos
No céu preparou lugar
Para um segundo nascimento
Que a nós ofereceu ao ressuscitar

Hoje! Até a sua morte podemos comemorar
Subiu aos céus e de Deus sentou a destra
Pois a morte ele venceu para nos salvar
E com todo respeito ao papai noel
Jesus é o dono dessa festa!

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Noite de Natal - Poesia

Noite de natal
Noite feliz e estrelada
Noite de sonhos
Noite de muita gelada

Todos querem beber
E confraternizar
Alguns, casos querem ter!
Outros apenas chorar...

Os desencantos da vida
Junto a tristeza do coração
Tiram o brilho da data querida
Destroem também as reflexões...

Não pensam mais em Jesus
Razão deste reunir
Só querem receber do papai noel
Presentes para usufruir.

Conhecendo o Natal - Poesia

Vinte e cinco de dezembro,
Décimo terceiro,
Compras,
Shopping,
Natal,
Papai Noel,
Presentes,
Novas amizades,
Novos amores,
Momentos marcantes,
Fotos
Novos planos,
Esperança,
Férias,
Viagens,
E alegria...
Enfim,
Chegamos em Janeiro.
Não faltou nada,
Fechei com chave de ouro,
Mas nada é de graça...
Volto a trabalhar,
Retornam as viagens pela cidade,
Tantas datas,
Muitos eventos,
O tempo passa,
Voa o ano e nada...
Percebo que envelheço,
Os filhos crescem,
Os amigos morrem,
Fico sozinho...
O tempo encurta,
Vejo o seu final,
Busco uma saída,
Encontro Jesus,
Aprendo o que é natal.

Viva o Natal - Poesia

Mais um ano que chega ao seu fim
Eu sei que os presentes chegarão
Não sei porque fico triste assim
Parece dar uma dor no coração

O natal é uma data maravilhosa
Momento belo e de muita reflexão
O natal é momento de prosa
Mas traz consigo também emoção

Pena que muita gente
Não aproveita pra comemorar
Essa data linda para os entes
Queridos poderem se encontrar

Viva o natal...
Viva papai noel...
Viva acima de tudo,
O nosso querido Papai do Céu.

Viva o Nascimento - Mensagem Poética

Já pensou se Jesus fosse enviado
Por Deus para nascer no Brasil de hoje?
O que falariam para Maria? Dá para imaginar?
Acredito que falariam para ela abortar,
Já que era tão jovem quando engravidou dele.
Mas se ela falasse que foi uma ação divina a sua gravidez,
Será que iriam acreditar? Acho que não.
E quanto a José, que adjetivo iria carregar?
Os amigos não seriam nada simpáticos com ele.
Vivemos num país de malandro e qualquer semelhança
Com o engano é plausivo de condenação.
Como a incredulidade também é grande,
Talvez perderíamos o mestre numa clínica de aborto
Seja legalizada ou clandestina, vocês não acham?
Ainda bem que ele nasceu em Israel e noutra época.
Com isto temos o natal, a salvação e a paz.
Viva o nascimento do Mestre.

Onde Estão Os Fogos? - Mensagem Poética

A cada natal que passa,
Menos se solta fogos de artifícios
Em comemoração ao nascimento do Nosso Senhor
E Salvador Jesus Cristo.

Será que o povo está dividindo
A glória de Deus por outros deuses?
Será que estão depositando as suas confianças
Em quem não pode salvar?

Será que estão valorizando mais o momento vivido,
em detrimento da Paz Vindoura?
Confesso que não sei, mas sugiro a todos
Que reflitam como andam as suas vidas.

Que tipo de relacionamento
Estão tendo com o Senhor neste momento.
Se a confiança está abalada,
Por causa dos homens vendilhões do templo.

Saibam que Deus não compactua com eles.
Jesus pagou um preço muito alto pela nossa salvação.
Ele não dará nenhum por inocente,
Portanto, volta pra casa enquanto há tempo.

Solte bastante fogos de artifícios,
Assim o Rei renascerá outra vez dentro de você
A paz será algo possível de ser alcançada novamente
E todos a sua volta saberão o real significado do natal.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Santa Ceia - Oração

Evangelho de Lucas 22:19-20: "E, tomando um pão, tendo dado graças, o partiu e lhes deu, dizendo: 'Isto é o meu corpo oferecido por vós; fazei isto em memória de mim. Semelhantemente, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este é o cálice da nova aliança no meu sangue derramado em favor de vós'.

Soberano Deus e Eterno Pai. Apresento a ti o partir do pão junto aos meus irmãos como memorial, para render-lhe graças por tudo o que fizeste em nosso favor. Quero agradecer pela oportunidade que me deste de estar em sua presença. O pão simboliza o seu corpo que foi pregado naquela cruz, e por isso, hoje temos liberdade para te adorar. Apresento também o vinho em forma de memorial. Ele simboliza o seu sangue que foi derramado em favor de muitos. Esse sangue purificador, que quebra todas as cadeias satânicas e nos dá liberdade para te adorar. Obrigado Senhor por eu estar na sua presença e livra-me de todo mal. Amém.

sábado, 4 de dezembro de 2010

Agradecimento - Oração

“Meu Deus, obrigado por esse novo amanhecer, por estar com saúde junto a minha família que tanto amo. Obrigado pelo pão de cada dia que não me tem faltado à mesa. Obrigado pelas tuas misericórdias quando erro, por sua graça que me salva e pelo dom da fé que me deste, alimentando a esperança no meu coração de um novo amanhecer contigo. Obrigado por eu fazer parte dessa imensa família cristã que salvaste, pela recusa de seu filho à própria vida em favor de muitos. Obrigado meu Deus, obrigado Jesus, amém”.

Intercessão - Oração

“Pai Eterno, entro em sua presença neste momento em favor dos meus irmãos do recanto das letras. Apresento-lhe cada um deles e lanço aos seus pés os fardos que eles têm carregado em suas vidas, na certeza que Tu irás visitar os seus problemas, as suas inquietudes, preocupações e cuidados. Se eles estiverem cansados, oprimidos e precisando de um socorro urgente, ajude-os. Sei que és manso e humilde de coração e tenho a certeza que eles descansarão em sua presença e todo jugo que ainda possa existir, há de tirá-lo deles e colocar sobre os seus ombros. Tenho a plena convicção
que essa oração foi ouvida e creio que eles alcançarão vitórias pelo poderoso nome de Jesus, portanto já te agradeço Pai, amém”.

Petição - Oração

“Soberano Deus e Eterno Pai, a ti eu peço perdão pelos pecados que eu cometi. Tenho perdoado aos meus inimigos como o seu filho, Nosso Senhor Jesus Cristo nos ensinou, para que as minhas orações não sejam impedidas. A tua palavra diz, que tudo o pedirmos nos será dado, se buscarmos acharemos, se batermos a porta irá se abrir, porque aquele que pede recebe e o que busca acha e quem bate, a porta se abre. Senhor eu creio fielmente que a oração do justo pode muito em seus efeitos, portanto, eu vós peço do fundo da minha alma, que me conceda essa petição. Essa graça acalmará esse pobre coração aflito e trará a paz que tanto necessito. Crendo na minha vitória eu já te agradeço, pelo poderoso nome de Jesus Cristo, amém”.

Adoração - Oração

“Senhor Amado, quão magnífico é o seu nome em toda terra, adoro-te Senhor. Tu és Soberano e exaltado acima dos céus e toda terra é o esplendor da sua glória. Está sentado a direita do Deus Pai, Todo Poderoso, porque venceste o mundo e hoje é o nosso advogado e juiz. Naquele dia, todo joelho há de se dobrar diante de Ti e toda a terra verá a sua glória, pois não há nada mais sublime do que tu. Obrigado por eu ter fôlego para te adorar Jesus, amém”.

Conversão - Oração

“Amado Deus, amado Pai, Tu És criador de todas as coisas, peço perdão a ti oh Senhor por todos os meus pecados, pela vida desregrada e sem propósito espiritual algum que eu tenho vivido. Eu reconheço que Jesus Cristo, vosso Filho Amado, derramou todo o seu Sangue na cruz do calvário, padecendo até a morte para salvação de todo aquele que nele crer. Lembrai-vos das vossas misericórdias e escreve o meu nome no livro da vida. Envia-me o teu Santo Espírito para o consolo da minha alma e a Jesus Cristo seja dada toda honra, toda glória e todo louvor para sempre, amém”.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Abundância na Vida - Mensagem Poética

Ninguém vive sozinho, precisamos uns dos outros. Todo o bem que buscamos no caminho, passa pelo prazer de fazer o bem em favor do próximo.

Um dia ele voltará em forma de benção, até porque, vencer na vida não é somente ter dinheiro, é muito mais do que isso!

Já começa com uma boa estrutura familiar, base para o sucesso profissional de qualquer pessoa.

Passa pelo temor a Deus e o respeito ao próximo e termina no sucesso pleno na vida.

Abundância na vida é ter ausência de necessidade ao extremo. É ter saúde, paz, harmonia familiar e nunca invejar ninguém. Basta para ser feliz o que já tens.

Coloque em mente, que a maior riqueza não consiste nas coisas deste mundo, mas em tudo o que Deus já preparou para nós, ainda bem!

Perdas na Vida - Mensagem Poética

Neste mundo perdemos muitas coisas
Quando jovem se perde tempo preparando-se para vida
Em busca do dinheiro se trabalha todo dia
Para quando envelhecer ter paz e alegria

Dinheiro tão difícil de ganhar, mas fácil de perder,
Num grande investimento só para inglês ver
Mas a perda maior que um homem pode ter
Depois de sua saúde, é o amor do seu bem querer.

Como o tempo passa na velocidade da luz
Num piscar de olhos outras perdas a vida nos produz
Perdem-se amigos, parentes, pais, filhos e irmãos,
Não tem outro jeito a não ser a salvação

Lá, a dor da perda não existe,
E aquele que um dia você perdeu
Verá que Deus o recolheu
E verdadeiramente nada se perdeu

Igualdade - Mensagem Poética

Será que somos todos iguais? Alguns nos vêem como diferentes. Será culpa da nossa indisciplina, humildade ou soberba?

O tratamento de igualdade é um direito adquirido de todos. E a justiça tem por função proteger os iguais, quando são tratados de formas diferentes.

A nossa igualdade parte do princípio de que todos somos seres humanos, mas no que se refere a determinados seguimentos dentro da sociedade, existem regras a seguir.

Elas fazem com que desperte dentro de nós, as diferenças internas que carregamos. Pois na realidade somos únicos, apesar de nossas semelhanças.

E quanto a igualdade, ela deixa de existir quando na sociedade somos classificados dentro do status que adquirimos. Portanto, será que somos mesmo todos iguais?

Injustiça Social - Mensagem Poética

A pobreza não pode ser comparada a um câncer. Ela é vítima de uma sociedade capitalista e cruel. Devemos por a mão onde alcançarmos,
E nunca devemos deixar de sonhar.

Uns são mais pobre que os outros e quanto a necessidade? Ela pode ser relativa ou real. A maior pobreza que pode ocorrer na terra é um ser humano não se sentir mal ao se deparar com as mazelas.

A pobreza atual não é um estado de espírito, ela está embasada numa injustiça social, que não dá chances aos pequeninos.

Quem tem, quer ter mais. Quem não tem, sonha com um governo justo, achando que eles irão vê-lo e o contemplarão com esmolas pompudas, para compensar o sofrimento imposto ao longo da vida, causado por um esquecimento muitas vezes proposital.

Não se iluda, do governo não se pode esperar nada. Busque realizar os seus sonhos com determinação, educação e trabalho.

Seja feliz no lar e coloque Deus no coração. Ele te dará forças para lutar e assim você vencerá e nenhum governo poderá dizer que lhe deu algo, pois foi uma conquista totalmente sua e de mais ninguém.

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Abra o Seu Coração - Soneto
















Se os caminhos estão tortos
E não tem como endireitar!
Andas de um lado ao outro
Sem saber como se libertar

Abra com amor o seu coração...
E deixe sempre Jesus entrar...
Ele quebra as portas de bronze
Os ferrolhos não vão suportar

O tesouro das escuridades
E as riquezas encobertas
Ele dará, isso é promessa.

Formou a luz, criou as trevas
É o dono da salvação eterna
Mas exige uma vida correta

A Forma Ideal - Soneto

Qual seria a forma ideal para te amar?
O amor teria que ser fiel e muito grande,
Carinhos suaves para te conquistar ou
Cheio de abraços calorosos e confortantes.

Qual a melhor forma do homem te amar?
Ele teria que ser forte e exigente,
Com gestos bruscos para você confiar,
Na cama sempre ardente e competente.

Não responda agora essa pergunta,
Vai para casa, na cama analisar!
Quebre as barreiras, tire as dúvidas.

Você verá o seu homem se transformar
No melhor dom ruam e eterno amante
Para junto a ti no prazer se esbaldar.

Triste Herança - Soneto

Sinto-me preso a conceitos antigos,
Aos costumes de outras gerações,
A fatos consumados por egoísmo,
Princípios ou simples acomodação...

A sociedade muda, eu não mudo.
Ficam tolerantes as várias mudanças...
Eu torno-me um intransigente no mundo,
Tenho meus princípios como herança.

Será que são os meus medos a aflorar?
Minhas entranhas fazem coisas estranhas,
Levando-me a realidade não aceitar.

O novo vem somente para me assustar.
Faz parte de mim ser assim - O que fazer?
Triste herança. Agora só me resta mudar.

Gostosa Obsessão - Soneto

Eu acordo pensando em você,
Será uma gostosa obsessão?
Eu caminho pensando em você,
É mais forte que a minha razão.

Vou dormir pensando em você,
Sentimento nobre do meu coração?
Tenho lindos sonhos com você,
Acordo e some essa linda emoção.

Tanto no amanhecer ou entardecer,
Meu amor, eu só penso em você!
Sinceramente, não sei mais o que fazer.

Porque será que isso acontece?
Só sei, que eu amo demais você.
Mas algo fugiu ao controle, em tese!

Colheita - Soneto

As flores sempre são colhidas
Com muita alegria e vasto amor
Só que o jardim da nossa vida
Não pode ter tristeza e rancor

Grave erro é julgar antecipado
Deus nos deu um amor imerecido
O mundo é um vácuo atormentado
Onde aquele que é bom é esquecido

O novo amanhecer trás esperança
Para quem viveu no sagrado terror
Quanto ao resto sobrou a vingança

De um Deus amoroso e justificador
Que não esquece aquele que o honrou
Com a sua vida e verdadeiro amor

A Bola Rola - Soneto (Humor)

Tudo o que é redondo rola
Rola a bola nos gramados
No Faustão tem o rala e rola
Rola a bola sobre os tacos

No ping pong não falta bola
Há no tênis e no golfe também
A foca brinca com a bola
Jogam bola até dentro do trem

Quase tudo no mundo é redondo
E tem o aspecto de bola
O nosso planeta não é plano

E gira sempre como a bola
Em torno de si mesmo e do sol
Dando-nos noites e dias afora

Indecisão - Soneto

Eu sei que te amo
Às vezes amo de mais
Outras vezes de menos
Mais você sempre me atrai

No caminhar de nossas vidas
Fica tudo o mais ou menos
Se não tomarmos cuidado
O nosso amor é só lamento

Consultei o meu coração
Para saber o que achava
Do motivo para tanta indecisão

Ele me deu como resposta
Todas as suas ingratidões
E por isso ele fechava a porta

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Grande Façanha - Poesia

Onde quer que você esteja
Saiba que eu não esqueço de você
Planejo viajar pelo planeta
Buscando novamente te rever.

Treinei vários idiomas
Para não lhe decepcionar
Agora sei dizer como a amo
Em qualquer língua ou lugar.

Te amo em espanhol
I love you em inglês
Ti amo em italiano
Je t'aime em francês.

Aloha wau ia oe em havaiano
Wo ai nei em chinês
Nagligivaget em esquimó
Eu te amo em português.

Não importa em que língua seja
Não importa qual a distância...
O amor supera as barreiras
Nosso romance é uma façanha...

Ame Sempre - Poesia

Quem ama de verdade não deve trair,
Levando a pessoa amada a chorar.
Deve sim! Fazê-la sempre sorrir,
Mostrando sinceridade até no olhar...

Cada ação deve buscar o bem do ser amado,
E nunca negligenciar, para não machucar...
A outra parte que declara o amar tanto.
Portanto na vida, não se deve tropeçar...

O jogo do amor é bem complicado,
Quando a paixão aflora, deixa tudo cor de rosa.
Mas se não tiver cuidado, ela vai embora.
Deixando para traz um rastro de amargura dolorosa.

Fruto de uma paixão desmedida
Que agora precisa de cura.
Amar? Sempre foi com pé no chão,
Já a paixão é sofrer com a ilusão.

Momentos ardentes e pra lá de bom...
Causador de feridas que nunca cicatrizam.
Contudo a fidelidade é a única saída, evita confusões!
E faz você se apaixonar, sempre pela mesma vida...

Um Segundo - Poesia

Numa fração de um segundo
Foi salva uma vida
A corrida foi vencida
Me atrasei,
Perdi,
Chorei,
Ganhei,
Vibrei,
Senti tristeza,
E também alegria.
Ah, Por uma fração!
Meu time?
Não foi campeão.
Perdi minha paixão...
Triste domingão,
Fiquei na solidão.
Mas essa fração!
Levou-me a refletir
Agora eu já sei como agir
Não vou mais me iludir...
E só vou acreditar!
Em mim...

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

O Poeta Velho - Poesia

Passaram os anos e tudo mudou,
Os dias são diferentes dos seus tempos juvenis.
A natureza, sua fonte de inspiração se acabou.
Os animais foram perseguidos e presos... Destino infeliz.

O poeta quase perde o seu romantismo,
Mas ele tem um poderoso poder.
A sua memória traz momentos inesquecíveis...
Ainda existe uma paixão por um outro ser.

O poeta sabe que os seus poemas vão longe.
Seus versos estão em todo lugar.
Por mais bronco que seja o homem,
No seu coração há espaço para amar.

O poeta velho ao ver chegar a sua morte,
Saberá que influenciou as várias gerações.
A sua poesia transpassara esse poder tão forte,
Palavras nobres que continuarão a atingir os corações.

O Sapo e a Princesa - Poesia (Humor)

Queria casar com uma linda princesa
Pedi a velha bruxa uma magia
Que ela me transformasse numa realeza
O príncipe mais bonito que existia

Num passo de mágica minha vida mudou
Saí da lagoa em direção Ao palácio
Não sei de onde ele brotou
Eu era ali príncipe sem sacrifício

Todos me obedeciam sem pestanejar
Meu pai era um poderoso rei.
Mas, como pode uma bruxa arranjar!
Família, palácio, exército e rei.

Todos naquele lugar me reverenciavam
Havia uma princesa para eu casar
Futuro dono da coroa de dois reinos
União de povos para a paz reinar

Ela só não me avisou no que iria acontecer
Se eu revelasse a princesa o meu segredo
Na noite de núpcias eu contei um sapo ser
Desfazendo todo encanto... e para o meu desespero,

Voltei triste para lagoa... Croc, croc, croc...

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

O Lazer - Rondel

O melhor da vida é o lazer
Agir sempre cheio de emoção
Buscar ser feliz pra valer
E ter o amor como opção

A alegria dentro do coração
O segredo é tornar a ter
O melhor da vida é o lazer
Agir sempre cheio de emoção

Não tornando o ócio por merecer
Nunca deve fazer de ocupação
Mas curtir a razão sem parecer
E também não fazer distinção
O melhor da vida é o lazer

Passado, Futuro e Presente - Rondel

Quando olho o passado fico a pensar
Que no futuro repousa o meu amanhã
Ações que não dão para me orgulhar
Bem tristes e praticadas na forma vã

Dos feitos como a mordida da maça
As angústias passadas ficaram no ar
Quando olho o passado fico a pensar
Que no futuro repousa o meu amanhã

Vivo o presente de forma a recuperar
Momentos perdidos por insanidade vã
Nunca é tarde para novamente amar
Refazer a vida no verdadeiro amor e sã
Quando olho o passado fico a pensar

Você Sumiu - Rondel

Não sei o que de fato aconteceu
Você saiu de mim tão de repente
Minha vida era só você e eu
Eu queria te ter eternamente!

Estou em conflito na minha mente
Meu corpo sente a falta do seu
Não sei o que de fato aconteceu
Você saiu de mim tão de repente

Você se foi sem sequer dizer adeus
Mas aguardo por você confiante
Não precisa explicar se escafedeu
Sonho em te ver voltar alegremente
Não sei o que de fato aconteceu

Viver o Amor - Rondel

Como é importante viver o amor
Ele torna a vida mais interessante
Quem não o valoriza sofre o temor
De perdê-lo a qualquer instante

Ele estava triste e ferido o bastante
Se, como um ninja partiu o seu amor
Como é importante vivê-lo com fervor
Ele torna a vida mais interessante

Mande sempre flores ao seu amor
É uma resposta linda e cativante
Vejo força e sentimento com louvor
O segredo do infinito é brilhante
Como é importante viver o amor

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Só o Amor - Indriso

Só o amor é capaz de manter a direção
Ele faz bem a quem ama e a quem é amado
E o amor cresce a cada dia em emoção...

No silêncio o amor conquista o outro.
Charmoso ele trabalha na sedução.
Nada como o tempo pra curar um amor louco...

O coração amado se quer fica vazio,

Ele expressa sem medo suas emoções.

São Estados - Indriso

A experiência dos anos já avançados
Não combina com o vigor da juventude
A juventude e a velhice são estados

De uma vida de sorte e felicidade
Que criaram velhos e bons hábitos
Não importando qual seja a idade

Viva a vida sem estar angustiado

Viva a vida sempre abundantemente...

A Força do Pensamento - Indriso

Quando se pensa o bem
Nunca se planeja o mal
Quando se conhece também,

Pensa pra não errar mais.
O pensamento é infinito
E presente na mente humana.

A força do pensamento é viva

Mas as idéias corriqueiras se apagam.

Vida é Milagre - Indriso

Cada momento vivo é um milagre
A vida não merece quem não a ama
Viver é uma arte sem entrave...

Não viva temeroso com o amanhã
Pois nunca será livre sem coragem
Faça reflexão com mais constança...

Ambicione uma vida bem feliz,

Parece fácil, mas quando é a dos outros.

Só ou Acompanhado - Indriso

No caminhar solitário do sábio,
Vemos não carecer de companhia.
A elevação da alma é no silêncio...

Já o tolo precisa de companhia.
Ele teme viver na pura solidão,
Não sabe que a águia voa sozinha...

Quem busca se apoiar inclina-se.

Quem caminha só, cresce em sabedoria.

Casa Sem Livros - Indriso

Quem não ler e não se arrepende,
Fica pobre até quando quer falar.
Sem uso atrofia a sua mente,

Não ouvindo os conselhos que o livro dá.
Vai viver a vida como um demente,
Falará sem ninguém conseguir decifrar.

Uma casa sem livros é vazia,

Eles acrescentam valores ímpares...

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Desejo-te - Poesia

O desejo é um sentimento adorável
Traz consigo a coragem de errar
Desejo entrar em tua carne admirável
Sinto isso quando te vejo passar...

Sei que és uma mulher comprometida
Mas não consigo resistir aos seus encantos
Não precisa passar também toda metida
Vou sofrer sozinho aqui no canto...

Me dê uma chance de te fazer feliz
Sei que o seu castelo está a ruir
Não lhe tratarei como uma meretriz
És bela e tem um coração em frenesi...

Sinto um delírio só de imaginar
Em sentir minha boca em sua boca
Com toques frêmitos e bem carnais
Lhe ver nua em minha frente louca...

Na inconsciência bruta do meu desejo
Entrego-me sem sentir aos meus sonhos
Quero te fazer feliz sempre que te vejo
Linda mulher é o que eu lhe proponho.

Suas Curvas - Poesia

Adoro suas curvas
Você lembra uma pêra
Elas são perfeitas
Deixa-me vê-la.

Quero tocar cada canto
Sentir o seu calor
Chega aqui com seu encanto
Diga que sou o seu amor.

Vou me deliciar,
Gozar completamente...
Prazer também vou lhe dar
vai sair daqui contente.

Vamos nos desbravar
Meu amor me devora...
Não deixar nada passar
Eu vou amá-la sem demora...

Juntos Eternamente - Poesia

Te vejo ensandecida
Numa loucura sem fim...
Calma menina!
Eu sei o que fazer.
Vou deixá-la assim:
Depois de faminta,
Bem saciada...
Quero você para mim.
Viajarei nas suas curvas,
Que belo corpo!
Sentirei a macies de sua pele,
Impregna em meus lábios
O seu delicioso gosto.
Depois você me lambe e engole,
Entre sussurros e gemidos...
Nos entregaremos mutuamente,
Nos olhares sensuais e arrefecidos
E ficaremos juntos eternamente...

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Vento Frio - Rondel

Se não fosse o ventinho frio
Diria ser você que me arrepiava
Tarde maravilhosa de calafrio
Igual aos dias em que me amava

Bateu em mim a gota fria da chuva
Olhei e vi todo alvoroçado o rio
Se não fosse o ventinho frio
Diria ser você que me arrepiava

Senti falta de cada centímetro
De sua linda mão que me afagava
E o calor poderoso no corpo hidro
Nesse momento senti a sua falta
Se não fosse o ventinho frio

O Jovem - Rondel

O jovem tem energia de sobra
Luta contra toda desigualdade
Busca nos políticos desde outrora
Chance de ter nova oportunidade

O espírito jovem dá liberdade
Discerni bem todo tipo de obra
O jovem tem energia de sobra
Luta contra toda desigualdade

A vida jovem é bem maravilhosa
O jovem despreza o preconceito
A esperança do jovem é honrosa
Seu jeito de viver é com respeito
O jovem tem energia de sobra

A Saudade - Rondel

A saudade é um belo sentimento
Mas só existe quando há perda
A vezes incapacita o entendimento
Mas a da infância é uma beleza

Mas não se pode quebrar a cabeça
Trás em sua essência o sofrimento
A saudade é um belo sentimento
Mas só existe quando há perda

Quando vivemos um belo momento
Ao findá-lo bate a saudade que veda
Não esqueceremos em qualquer tempo
Pois houve nele profundidade bela
A saudade é um belo sentimento

Sincera Amizade - Rondel

Primasse pela sincera amizade
Sabendo que ela é do coração
Faz parte de toda humanidade
Se relacionar como irmão

Para aqueles que bem se dão
Nunca faltará solidariedade
Primasse pela sincera amizade
Sabendo que ela é do coração

Seja no campo ou mesmo na cidade
Maravilhoso é o vinculo de união
Não importa qual seja a idade
Ela sempre deixa boa recordação
Primasse pela sincera amizade

Simplicidade do Amor - Rondel

Um amor assim é muito desejado
Renuncia a vontade do coração
Sempre em favor do ser amado
Um lindo sentimento de compaixão

Morrer se preciso for na paixão
Colocar-se no lugar do outro lado
Um amor assim é muito desejado
Renuncia a vontade do coração

É fácil estar por ti apaixonado
Simples me amou primeiro com ação
Só tu pudeste a vida ter me dado
Jesus Tu és o Deus verdadeiro então
Um amor assim é muito desejado

Solidão - Rondel

Quando tudo passa e a dor permanece
As feridas não param de doer e latejar
Os pensamentos são de morte eminente
Algo mal quer nesta vida se instalar

Leva a pessoa como a flor a murchar
A solidão causa um mau que estremece
Quando tudo passa e a dor permanece
As feridas não param de doer e latejar

Se contaminado com a mágoa fica inerte
O vazio insiste em tomar o seu coração
Devagar a solidão dentro de você cresce
Esperando por mudanças que nunca virão
Quando tudo passa e a dor permanece

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

O Veneno da Flecha - Indriso

O Cupido acertou-me com a sua flecha,
Atravessou em cheio o meu coração.
Envenenou-me para te amar com pressa...

Agora só penso em você minha paixão,
E na vida nada mais me interessa,
Só desfrutar dos momentos com emoção...

O veneno da flecha é poderoso,

O cupido com suas flechas é perigoso.

Estranha Sensação - Poesia

Quando o coração apertou
E bateu descontroladamente,
Uma estranha sensação aflorou,
Pensei logo em você!
Mas como a boca secou,
Fiquei sem saber o que fazer.
A lágrima no meu rosto rolou...
Não sei, acho que perdi o meu amor.

Nobreza - Indriso

Pedi perdão é atitude nobre
Estando certo ou errado
Pedi perdão é para o forte

Difícil de ser encontrada
Essa virtude quando desejada
Pela pessoa que está errada.

Arrependida quer voltar atrás!

Como não tem coragem... Sofre calada.

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Desejo Impetuoso - Poesia

Entre toques e carícias
Ouvi você sussurrar...
Com sua voz doce
E muito desejosa
Dizia querer me amar...

Desejo impetuoso
Olhos fitos no infinito
Você respira como fogo...
Mas com calmaria no olhar
Mostra-me querer gozar gostoso...

Vem amada minha
Beija-me ardente...
Toca-me com seus lábios
Arrefece a sua pele
E aquieta as nossas almas...

Ame Docemente - Poesia

Só faço amor com você
Cheio de entusiasmo...
Penetro no teu ser
Acolhendo-te em meus braços.

Deixo-te completamente envolvida
Redobrando os meus carinhos.
Sinto você faminta...
Acaricio-te cheio de mimos.

Tenho prazer em lhe dar prazer
Então, me ame docemente...
Seu beijo aquece o meu ser
Veja, vou penetrar novamente.

Sinta as paredes se abrirem...
Suavemente eu te invadi.
Gozarei junto a ti alegremente,
E muito feliz, pois te comi.

Que Noite! - Poesia

Que noite é essa!
Madrugada aventureira...
Atravessaremos esta festa!
De sexo e muita cerveja?

Serei por toda a madrugada
O seu fiel guardião
Ninguém vai tocá-la, minha amada!
Sou o dono do seu coração.

Na surubada ou no sexo explícito
Transar para essa gente é bobagem
Eles se entregarão ao vivo
Quanto a nós, sexo é verdade!

Montarei guarda ao seu lado
Até o seu sono chegar...
Quando estiveres dormindo
Não sentirá a madrugada passar...

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Hora da Partida - Mensagem Poética

Cada dia que passa nessa vida
O acúmulo de perdas não para de crescer
Perdem-se os dentes, cabelos, saúde e emprego.
Perdem-se também os amigos, algo triste de se ver,
A cada dia temos menos,
Alguns mudam de lugar e perdemos o contato,
Eles vão para nunca mais voltar.
Percebo que estamos ficando sozinho,
Cada um no seu canto, todos dentro do seu ninho
Vendo à sua hora chegando.
E aquele amigo que nunca nos abandona
Está preparando lugar, pois sempre nos honra,
Com a nossa morada cheia de pompas.
Mas ele é paciente e nunca se zanga.
E só vai nos levar quando estivermos velhinhos.
Iremos do mesmo jeito que viemos enrrugadinhos,
E mesmo assim, nos receberá com alegria,
Na certeza de que sempre agiu com a sua justiça.

Superficiais e Profundas - Mensagem Poética

Existem amizades verdadeiras
E as não tão sinceras assim
Normalmente o ser humano
Valoriza todo tipo de amizade
Sem saber diferenciá-las umas das outras...
Fazer a separação é super necessário
Para que no futuro não se venha sofrer
Com as decepções que certamente virão.
Devemos saber distinguir umas das outras
Para não vulgarizarmos aquela que é sincera.
Pois o mundo individualista em que vivemos,
Mostra bem a diferença.
Mas é preciso conservar todas
Sejam superficiais ou profundas
Colocando constantemente os limites necessários,
Sabendo que existem amigos mais chegados que irmãos
E nesses casos, há sempre lealdade e fidelidade.

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Seja Feliz - Mensagem Poética

Onde a vida é desprezada,
Normalmente existe a falta de amor.
As pessoas vivem cheias de remorsos,
Rancores angustias e dor.
Não buscam serem felizes
Preferem dar lugar as coisas inúteis...
O segredo não está em fazer o que se gosta,
Mas gostar daquilo que se faz.
Portanto, arriscar faz parte da vida,
De quem busca a felicidade...
Pois só quem não se arrepende,
São os que não se aventuram e nada fazem,
Deixam a vida passar de forma acomodada e despercebida...
Como é bom fazer algo em quanto pode.
Como é bom ter lembranças para contar...
Você é importante pelo que és,
Mas também pelo que faz...
Viva o hoje, porque o ontem, já passou.
Quanto o amanhã, talvez ele nem chegará...
Acrescente vida aos seus dias e seja feliz.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

A Rua - Poesia















As grades! Elas estão por toda parte...
Ferros retorcidos,
Câmeras espalhadas em todos os cantos.
Será que ninguém invade?
Os muros estão cada vez mais altos...
A rua que era extensão dos quintais das casas,
Noutra época bem mais romântica,
Hoje nos apavora...
Vivemos em constantes dramas,
Ladrões correm para todo lugar...
Balas perdidas teimam em se encontrar
Nos corpos dos inocentes...
E as noites estreladas!
Que tanto serviram ao amor,
Hoje estão quase esquecidas,
Por conta de uma violência desmedida,
E não são mais vistas como antes...
Passam as estações e os ciclos lunares,
E as pobres almas?
Não conseguem contemplá-los...
Os olhos percorrem sempre assustados,
Todo trajeto à noite a percorrer.
Sejam noites frias ou quentes
Por temor começam a tremer...
É uma grande façanha andar do outro lado da grade.
As pessoas estão se esquivando umas das outras...
Bem desconfiadas! Numa demonstração de medo.
Ambos os lados estão assustados...
Faz parte.

Confiança - Poesia

Como confiar em quem nos rodeia
Como confiar em nossos triunfos
Como confiar em quem nos governa
Como confiar em nossos recursos

Como confiar na inteligência
Como confiar em nossa energia
Como confiar na benevolência
Como confiar na palavra dita

Como confiar na paz dos homens
Como confiar em suas propagandas
Como confiar na pessoa idônea
Como confiar na grande façanha

Em tudo devemos confiar desconfiando
Aqui impera com excelência a imperfeição
Confiar incondicionalmente e fazer planos
Somente em Deus que habita nos corações

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Alma, Eu Quero Ver-te! - Poesia

Como posso te ver oh, minha alma...
Nos sentimentos de uma paixão.
Na bondade da vida, quando assim eu ajo...
Ou nas artes, criações de minhas mãos.

Alma, eu quero ver-te!
No poder da comunhão,
Nos pensamentos alegres,
E nas minhas grandes ações...

Alma, eu quero ver-te!
Na vida do meu próximo,
Dentro do meu ser,
E na fidelidade dos meus esforços ...

Alma, eu quero ver-te!
Na proclamação de todos os povos,
Celebrando juntos ao Deus forte,
Aquele que a resgatou da morte...

Alma eu já te sinto quando amo.
Percebo-te em minhas dores,
Nas lágrimas que eu derramo,
E na alegria ao ver as flores...

Grande Jardim - Poesia

A terra é o grande jardim de Deus,
Que ao cria-la era sem forma e vazia.
Então quis Deus, florir a terra e nos escolheu.
Como as flores do seu jardim, e com alegria!

Mas Lúcifer, que já havia sido expulso do céu.
Por ter aprontado com o Criador
Visitou as primeiras flores plantadas na terra,
E assim o pecado entrou.

Após essa visita nada cordial
Que trouxe toda a sua mazela.
Levou as flores a secarem, o que não foi legal
Deixando Deus uma fera!

Para restaurar esse jardim, foi primordial!
Recuperar a paz perdida na terra.
Mas para que isso acontecesse, foi fundamental!
Destruir satanás e sua força causadora de todo o mal

Como Deus sabe de todas as coisas
Criou um plano de resgate da raça humana
Combateu o mal com as suas contrárias forças
Através de Jesus, o Messias, a nossa esperança!

O Acaso - Poesia

O acaso quase me pegou,
No momento em que eu estava distraído.
A instabilidade que a vida me proporcionou...
Quase fez-me pecar!
Contra tudo o que havia escolhido.

Por viver um período conturbado,
O acaso quase me arma um laço...
Superando todas as bases de cálculos,
Que por mim foram definidos.
Mas a providencia veio do alto!

Procurando ter um bom histórico,
Busquei ser um homem preparado.
Para que esse grande "mestre" chamado acaso,
Não me desse o seu tiro de misericórdia,
Aí, conheci o poder soberano da glória...

Se o acaso será para sempre uma provação,
Punição, benção, distração, sorte ou azar? Eu não sei.
Não quero ter mais essa sensação...
Quanto a uma resposta plausível, só se ele voltar a me atacar.
E muitos já sofrem, só de ouvir dele falar...

Existem pessoas que conseguem do acaso se aproveitar
Eu prefiro os erros evitar
Para o acaso não me alcançar
Mas se não conseguir dele escapar
Tenho espírito forte, para ele encarar...

domingo, 24 de outubro de 2010

Viva o Presente - Poesia

Chorar pra que?
O tempo não vai voltar
Lamúria... Por que?
Não adianta o passado bisbilhotar...

Viva o presente
Ele é a certeza de um futuro melhor
Agora é só seguir em frente
E não ficar pensando no pior

O que passou, passou! Já foi...
Não adianta buscar o culpado
Nada o que por dentro corrói,
Vai poder consertar o estrago.

Viva e seja pra sempre feliz,
Viva e deixa a outra parte viver.
Você não é nenhuma meretriz
Verá que é o melhor que tem a fazer.

Leviana e Elegante - Poesia

Eu tinha duas mulheres
Uma era leviana, gostosa,
Amante e as vezes irritante...

A outra era elegante
Linda, educada, esposa,
E até na cama era interessante...

Eu vivia numa bigamia
As vezes engraçadinha
Noutras ocasiões extenuante...

Ora, mentia para uma
Ora, mentia para outra
Minha vida era muito louca...

Resolvi então terminar
Acabar de vez com essa Insanidade
Mas, amava cada uma do meu jeito...

o que fazer então, para resolver?
Pensei: Vou morrer e como uma fênix
Em outro lugar, renascer...

Foi o que eu fiz e assim renasci.
Conheci outras duas lindas mulheres.
E a antiga rotina voltou a existir...

Pensei cá comigo...
Esse troço de bigamia é muito confuso
Mas é muito bom... É minha a sina!

As Crianças - Poesia

Crianças tem sonhos de voar
Saltam das camas e dos muros
Não sabem que podem se machucar
Querem realizar os seus absurdos

Crianças não querem comer
Acham que os doces lhe fazem bem
São enjoadas em tudo o que vê
E saí da frente, quando algo querem...

As vezes deixam os pais em apuros
Em suas travessuras irresponsáveis
Não os obedecem achando que sabem tudo
Quando se machucam voltam mais amáveis...

Criança são anjinhos e danadinhos
Anjinhos quando estão sossegadinhas
Danadinhos ao aprontar escondidinhos
Travessuras que outrora os pais aprontavam.

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Mundo Virtual - Poesia

Nova forma de se amar
Nada convencional
Mandam flores e cartões
Por E-mail, tudo virtual.

Não se ama mais como antes
O romantismo ficou cafona
Falam tudo de longe
Não tem sentimento, só onda!

O coração sente a falta da emoção
A mulher quer a sua cara metade
A alma busca loucamente a sua irmã
Quanto ao homem, falta-lhe sensibilidade!

Como mudar dentro dessa evolução
A correria consome todos com pressa
Ninguém ouve mais a voz do coração,
Que grita pedindo socorro àbeça.

Boca Gostosa - Poesia

Sua boca é carnuda,
É ardente e bem gostosa.
Você faz maravilhas quando a usa,
Alucina-me com essa boca desejosa...

Seus beijos são calorosos.
Quando me contorna, viajo longe...
No meu sexo, ela se entope!
No amor ela me contorce.

Boca poderosa e pra lá de hábil,
Safadinha e bem esnobe.
Nas carícias é magistral...
Só transa contigo, quem pode!

Necessito de Ti - Poesia

Vejo em mim, prazer em te amar...
Meu corpo busca o seu corpo.
Sinto um imenso desejo,
Quero contigo gozar...

Meu coração bate acelerado,
Preciso Acalmá-lo!
Quero amá-la acordado,
Pois em sonhos, já estou saciado.

Aprendi a viver com amor,
Ele preenche o coração.
E pelo amor quero morrer,
Sem nunca viver na solidão.

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Amáveis Corações - Rondel

São dois amáveis corações
Um paraíso fora do jardim
O amor de tantas emoções
Juntos e firmes até o fim

Lugar de anjos e Serafim
Paraíso certo em perfeições
São dois amáveis corações
Um paraíso fora do jardim

Neles não existem traições
São corações bondosos sim
Ao inferno sem vez e ações
Levam o amor à sério enfim
São dois amáveis corações

Mortes Sociais - Rondel

Todos os dias morrem-se um pouco
Pela crueldade de uma vida corrida
Mãos consumidoras que deixa louco
Pedidos de uma vontade adquirida

Produto difícil pra se ganhar a vida
O filho que só pensa em ter o troco
Todos os dias morrem-se um pouco
Pela crueldade de uma vida corrida

Cada assassinato que na vida ouço
Perco-me em porção na paz sofrida
Frutos de uma sociedade só de louco
É selvagem essa tecnologia perdida
Todos os dias morrem-se um pouco

Oculto Sentimento - Rondel

Emoções vividas no silêncio docemente
Consequências de um amor não declarado
Como dói o coração de alguém que sente
O sofrimento de um amor não revelado

Vibra o coração calado e apaixonado
Oculto sentimento guardado e triste
Emoções vividas no silêncio docemente
Consequências de um amor não declarado

O amigo oculto dá o seu presente a gente
Na alegria do fim do ano que está correndo
Amor oculto é para nós sofrimento latente
Escondido no coração que vai vivendo
Emoções vividas no silêncio docemente

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Se Eu Pudesse - Rondel

Ah, se eu pudesse algo fazer!
Faria os seus dias só de alegria
A tristeza nunca iria acontecer
As flores do jardim eu lhe daria

A lua com seu brilho tua seria
Recolheria suas lágrimas pra valer
Ah, se eu pudesse algo fazer!
Faria os seus dias só de alegria

Iria a trás e buscaria pra te ter
Ao ver que a estrela cadente cairia
Para ir a praia e a tua beleza ver
As nuvens do céu eu dissiparia
Ah, se eu pudesse algo fazer!

Ego Amaciado - Rondel

Palavras que acariciam o ego
Elas são perigosas pra danar
Lisonja é como o desprego
Com sutileza nos leva ao ar

Mas a vida é feita para ensinar
Desavisados eu não sossego
Palavras que acariciam o ego
Elas são perigosas pra danar

Amolecem o jovem coração leigo
As doces palavras que vão dar
Não sinceras o joga ao chão logo
Às vezes falsificada para matar
Palavras que acariciam o ego

Amor Ardente - Rondel

O amor ardente tem cheiro de pecado
Vontade de tanta coisa guardada
Muito carinho e beijo acalorado
No silêncio da madrugada encantada

Na noite quase sempre alucinada
Correspondidos em cada lado
O amor ardente tem cheiro de pecado
Desejo de tanta coisa guardada

Amor do tipo gostoso e desejado
Enfeitiça ao jovem e a sua amada
Ao se encontrar bem apaixonado
Juntos até na tarde ensolarada
O amor ardente tem cheiro de pecado

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Esperança Viva - Indriso

Eu tenho esperança na vida,
Eu tenho esperança na vitória,
A luz já chegou perto, e agora?

Vamos acordar para o entendimento,
Veja o mar que nos apavora!
Suas ondas querem engolir no momento,

Os que estão distraídos com o vento.

Sem a esperança viva, o mal os afugentam...

Como Posso - indriso

Como posso viver sem propósito,
Como posso andar sem direção,
Como posso desejar o mal ao próximo,

Como posso tentar sem emoção,
Como posso exaltar um mal feito,
Como posso desejar a escuridão.

Eu posso ver as sombras na parede,

Mas desse jeito, não posso ter salvação.

Meus Planos - Indriso

Ao abrir a minha mente e analisar,
Revir cada um dos meus planos.
Vi ser ainda possível acrescentar,

No meu destino a realização,
De cada sonhos e planos.
Por ser livre o meu coração,

Não posso mais na vida esperar,

E nem há necessidade de complicar...

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Pequenos Gestos - Indriso

Os pequenos gestos são importantes;
Os pequenos gestos fazem a diferença;
Quando praticados são bastante relevantes.

São pequenos, mas grandes em atitudes,
Pequeninos, mas de grandes interferências,
Ao serem praticados no meio da sociedade.

Os pequenos gestos, sendo atitudes sábias...

Eliminam a tristeza e trazem a alegria.

Lamento Vão - Indriso

Caminhávamos juntos
Éramos um do outro
Foi tudo tão injusto!

Você me deixou furioso.
E neste abandono, murmuro...
Seu motivo foi muito tosco.

A minha voz soluça em apuros.

Sem esperança, num lamento vão.

Intensas Paixões - Indriso

Queria ter tido paixões intensas
Marcas nas camisas impressas
Que ficassem para lembranças...

Queria guardar o formato labial
Das moças que amei no carnaval
Ou mesmo nas noites de alto astral.

Hoje ao mexer nas coisas velhas

Reviveria várias coisas belas...

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Me dê Motivo - Soneto

Eu queria um só motivo,
Para te amar de paixão.
Junto a ti me sentir muito vivo!
Arder o peito como na inquisição

Aquele fogo não se apagava...
Cruéis madeiras verdes!
Meu coração já estava...
Acendendo no peito pra valer!

Me dê motivo real para te amar,
Não me engane com palavras vazias,
Quero pela porta no seu coração entrar...

Pois quem pula a janela, só engana,
E depois de um tempo se esvazia,
Não dando motivo para ser amada.

Ler Você - Soneto

Queria tanto ler o seu pensar!
Saber o quanto você me ama.
Ler você para te enfeitiçar...
Com esperteza te levar pra cama.

Lhe surpreenderia todos os dias,
Pois saberia o que desejas.
Agiria sempre com maestria,
Faria tudo sem que vejas.

Iria ler também o seu coração,
Ver em que pedaço dele eu moro.
Aí, te amaria com muito mais paixão...

Dessa forma te prenderia a mim,
Lhe compreendendo a cada dia.
Aí, o nosso amor, jamais teria fim!

Eu lhe Proponho - Soneto

Imagine o azul do céu,
As águas verdes do mar,
Tudo deixado bem ao léu,
No brilho do sol para amar.

Dois corpos totalmente nus,
Vendo pássaros a voar.
Ao findar o sol, sua luz!
Deu lugar ao lindo luar.

Era nossa presença viva
Cenas realizadas em sonho,
De uma noite bem dormida.

Não vejo nada de bisonho,
Nós dois realizarmos nessa vida
Esses momentos... Eu lhe proponho.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Seu Amor - Soneto

As flores são para o jardim
As aves são para o céu rasgar
As florestas nos envolvem, sim!
O seu amor é para me encantar

Nele te surpreendo e me envolvo
Aventuro dizer, contigo ser feliz.
Sentimento mais forte, só louco!
Desde a primeira vez, eu te quis.

Nos envolvemos sem pestanejar
Nos saciamos até não poder mais
Numa entrega total e sem vacilar.

O amor bem consumido é primordial
Para o casal seguir em frente e sem danos!
Ele será sempre uma opção sensacional...

Casa Comigo - Soneto

Como poeta e amante que sou
Tenho autoridade para te falar
No amor sincero que lhe dou
E na arte poderosa de te olhar

Sensibilidade não me falta
Nem prazer, coragem e emoção.
Meu espírito sempre cobra
Ter você presa ao meu coração

Sentimento pra lá de verdadeiro
Não hesito falar dele com candura
Percebeu para que você veio? Não...

Meu amor por ti é loucura.
Vivo em meio aos meus devaneios
Mesmo assim, casa comigo ternura.

Aventura Desastrosa - Soneto

Como numa tempestade no oceano
Onde a nau perde o seu rumo
O coração pulsa forte sem dano
Você me faz perder o prumo

Marinheiro de primeira viagem,
Não sou! Mas me apaixonei.
Aventurei-me no meio da vadiagem
Agora o que fazer? Eu não sei.

Enveredei nas longas noites,
Estrelas infinitas eu contei,
Momentos maravilhosos e doces.

Porém, o tempo passou e viajei...
No oceano dos lindos segredos,
Mas na aventura desastrosa, dancei!

sábado, 9 de outubro de 2010

Verdadeiros Benefícios - Poesia

Como é bom usufruir os seus benefícios
Ver-te revelar-se com a grandeza de Pai
Assim como servo que sou, oh altíssimo!
Vi que ao necessitar, tu sempre faz.

As almas têm sede de salvação
Sua palavra sempre nos fortalece
Impulsiona ao seu povo ter convicção
Para prosseguir sem dúvidas na mente.

Os milagres sempre falam alto
Mostram o seu grande poder
Mas a semente plantada desfaz o laço
Cria raiz no coração e nos faz entender.

Que esse deus atualmente apresentado
Não existe em lugar nenhum de bem
São mentiras de lobos devoradores armados
Com lábias treinadas, dizendo que o mal é bem.

Ecoa Em Minha Mente - Poesia

A vida passa diante dos meus olhos
Momentos maravilhosos são repetidos em minha mente
Amigos circunstanciais, importantes para o momento.
Infância feliz insiste em renascer dentro da gente...

Quem nunca subiu em árvores ou correu descalço
Mentiu por medo de apanhar e bateu gazeta
Jogou bola, brincou de piques e deu saltos.
Não guardou o segredo mais valioso por agir de veneta...

De repente veio à juventude cheia de graças...
Nos beijos roubados... Tornei-me o Don Ruam do momento.
Achava que o mundo girava em torno de minha vida
No fim dessa fase, foi só lamento...

Ecoa agora em minha mente já ferida.
Situações que trazem grandes arrependimentos
Mas já passou, não adianta remoer na consciência.
Coisas importantes não aproveitadas naqueles momentos...

Aprendi que a pedra atirada não volta mais
Que o amor bandido, nos deixa sem vergonha.
Aprendi que a vida é oportunidade e tem mais,
Que nunca é tarde para recomeçar - Então, tenta!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

História do Amor - Poesia

A história do amor
Infelizmente se confunde,
Com a história da dor
Que não poupa no queixume.

Nele você sente emoção
A cada momento de carinho...
Nele você sente a traição
Quando há o abandono do ninho.

A história do amor,
Nem sempre tem o final feliz.
Você se doa para a pessoa,
Depois descobre que ela nunca te quis.

Usou-te por vaidades de momento,
Machucou o seu coração...
Foi embora te deixando no relento,
Sem nenhuma compaixão.

Ainda bem que a história do amor
É como a mitológica fênix.
Ela morre, mas renasce das cinzas.
Revivendo com muito mais alegria dentro da gente!

quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Reflexo do Amor - Poesia

O brilho nos olhos da pessoa amada
Reflete o sentimento que ela carrega na alma

O coração palpita na alegria de um sorriso
De quem está feliz, sentindo-se no paraíso.

Na plenitude de um amor correspondido
O corpo respira fascinante e sedutor

O sândalo exala o seu cheiro aromático
Tão embriagante que deixa o seu amor estático.

Ela sente o nirvana do sofrimento antes vivido
Deliciosa sensação de liberdade usufruindo

Sem complexo de toda ordem ou natureza
Esse amor lhe fez crescer com certeza

Essa linda alma está com pureza enamorada
Por saber que ama e também é amada...

Reflexo de um sentimento de amizade natural.
Esse amor cresceu, evoluiu para um sentimento divinal.

Escrito no Coração - Poesia

Como um livro o meu coração
Escreve a nossa história.
Cada momento de emoção,
Está anotado em versos e prosas,

Este livro está aberto...
É só você querer ler.
Viajará lindamente ao passado
E com alegria tudo irá reviver.

Mas não abra a página quarenta e nove,
Lá eu te magoei e te fiz chorar.
Fui um monstro, sem atitude nobre.
Não quero mais ver a sua lágrima derramar...

Cada página traz uma história comovente,
Nosso amor sempre foi cheio de energia,
Nunca deixamos o mal destruir a gente,
Vivemos em constante harmonia.

Mas, o tempo passou e tudo parece mudar...
A alegria ficou mais distante do nosso lar.
Hoje, só problemas a nos preocupar!
Quanto aquele amor! O tempo parece esfriar...

Mas eu tenho uma saída,
Vamos ser um pouco irresponsáveis, sem razão!
Vamos buscar a emoção perdida,
Para voltar a sentir a mesma sensação.

Você é a minha vida, é o meu livro.
Faz parte de minha história,
A razão dos meus objetivos,
Minha tristeza, minha alegria e a minha glória...

Supliquei Por Vingança - Poesia

Senti profundamente
A punhalada que me deste!
Ela penetrou fundo no meu coração.
Não tive chances de me defender...
Foste covarde ao me acertar pelas costas.
Eu confiava plenamente em você...
Agora vejo como dói o coração amargurado,
Por causa da traição de um bem amado.
Meu espírito!
Sentiu-se humilhado,
Por tamanha ingratidão.
O punhal que me atravessou o peito,
Foi a sua língua felina e sem compaixão.
Supliquei a espada,
Eu sei que ela corta dos dois lados.
Hoje você é o meu pérfido algoz
Que na covardia me atingiu,
Mas, tenho uma notícia triste pra você.
Amanhã será o meu dia
É a espada quem me diz.

domingo, 3 de outubro de 2010

Fúria Louca - Poesia

Vejo você numa fúria louca,
Querendo me sentir.
Instiga-me a lhe pegar com força,
Para dar-lhe prazer sem fim...

Olha-me cheia de tesão e desejos,
Vejo-te numa gula deliciosa,
Que vontade de suprir os seus anseios,
Vem pra cá e fecha a porta!

Vou te dar o que queres,
Você nunca teve e nem terá,
Homem como eu.
Sou no sexo, um mestre!

Vou deixá-la ardida e sufocada
Com gostinho de quero mais...
Também muito saciada,
Suspirando em cada gozo, mais e mais...

Cheia de Tesão - Poesia

Que martírio!
Sensualidade aflorada...
Que infortúnio!
Em casa só e desesperada...

Cheia de tesão,
Esfregando-se na cama...
Com o telefone na mão,
Mas, sem possibilidade de transa.

Porque não ligou para mim,
Iria correndo saciar os seus desejos.
Na próxima vez não sofra assim,
Me chame para te pegar de jeito.

Por Toda Noite - Poesia

Noite chuvosa de inverno
O tempo está frio...
Ao falarem são ternos
A cada taça de vinho...

Na beira da lareira
Ardem de tanta paixão...
Dois corpos incandescentes
Em processo de erupção...

Esses dois vão se amar
Se possuirão por inteiro
Em branco nada vai passar
Felizes em pleno devaneio...

Nessa linda noite de amor
Propícia para se apaixonar
Dois corpos nus e encaixados
Ficarão até o dia clarear.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Seu Perfume - Rondel

Fragrância de uma macia pele
Tem o cheiro forte das rosas
Deixa louco e sempre espelhe
Todo tipo de tristeza a volta

Fico orgulhoso e todo prosa
Até o suspirar me enaltece
Fragrância de uma macia pele
Tem o cheiro forte das rosas

Quando ao meu lado adormece
Fico a contemplar como se ama
Alguém muito linda até parece
Anjo de luz que a alma emana
Fragrância de uma macia pele

Almas Gêmeas - Rondel

Estão entrelaçados os corações
Felizes neste amor eterno são
Renovando as energias das paixões
Com muita humildade e compreensão

Essas almas se completam então
Vivem expressando suas emoções
Estão entrelaçados os corações
Felizes neste amor eterno são

Comprometidos com as vibrações
Almas gêmeas posso dizer que são
Esses dois se amam sem alucinações
Unidos para o orgulho conter estão
Estão entrelaçados os corações

Sentimento Nobre - Rondel

O amor é um sentimento nobre
Quando em forma de compaixão
Amor é forte quando se descobre
Preenchendo o vazio coração

Deixando o mesmo com emoção
Enche totalmente a alma pobre
O amor é um sentimento nobre
Quando em forma de compaixão

Visita, se instala e não é podre
Chega de mansinho com ação
Preenche o ser e o descobre
Faz morada dentro do coração
O amor é um sentimento nobre

Lago dos Cisnes - Rondel

Como é lindo o lago dos cisnes
Fique extasiado com esta vista
Lembrei-me das valsas e amores
Dancei com a debutante artista

Corríamos deslizando na pista
Serenas composições alegres
Como é lindo o lago dos cisnes
Fique extasiado com esta vista

Fascina dançar lago dos cisnes
A valsa corria serena e solicita
Voávamos com risos nas faces
Tremia o corpo treinado a treta
Como é lindo o lago dos cisnes

Meu Abrigo - Rondel

Em você debrucei com ternura
De leve segurei em sua mão
Como um tesouro na ilha futura
Meu amor eu escondi no coração

Foi meu eterno abrigo na emoção
Num caminhar onde a vida é dura
Em você debrucei com ternura
De leve segurei em sua mão

Cintilava uma ardência mais pura
Do fogo que envolve o meu coração
Mesmo quente nossa paixão é madura
Ao seu redor não existe escuridão
Em você debrucei com ternura

Ser Simples - Rondel

Tenho sofrido algum enxovalho
Por ser humilde é não ter bem
Sou tratado como um espantalho
Por aqueles que pensam que tem

Sei que não devo nada a ninguém
A minha vida é sem atrapalho
Tenho sofrido algum enxovalho
Por ser humilde é não ter bem

Chamam-me de pobre e velho
Com atitudes ridículas agem
Não sou de viver de atalho
Sou humildade e de bem
Tenho sofrido algum enxovalho

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Alma Boa - Indriso
















A alma boa é alegre
Sabe que o céu a espera...
E no amor sempre investe.

A alma boa vive sorrindo
Não guarda rancor e mágoas
Sempre gosta de carinho.

A alma boa acaricia o coração,

Suavemente e com muita paixão...

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Velho Lobo - Indriso

O velho lobo do mar
Navega em mar aberto...
Ele só sabe se afastar

De sua amada que está na terra.
Ela não suporta mais sofrer
E viver em eterna espera...

Depois de tanto ela rezar...

Sobrou só a dor de aguardar.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Perdão - Indriso

Quando olhei ao meu lado,
Percebi não ter mais você.
Vi-me triste e abandonado.

Agora sofre o solitário coração!
Que não sabe mais o que fazer,
Para rever tal situação.

Ele te pede socorro,

Implorando o seu perdão...

domingo, 19 de setembro de 2010

Aroma Matinal - Indriso

Ao amanhecer contemplei a natureza
A chuva fina chegava de mansinho
Enquanto o sol nascia com beleza

As flores com o seu aroma matinal
Misturado ao cheiro de terra molhada
Levou-me a lembrar de minha infância divinal

Era sol e chuva, belo casamento de viúva...

Ou chuva e sol, lindo casamento de espanhol...

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Meio Ambiente - Poesia

O homem está agredindo
Aquele que lhe pede socorro
Como não o ouve, vai só destruindo...
O meio ambiente por desaforo.
Seguindo um caminho perdido
Depois ele vai pedir socorro...
Não será ouvido por ninguém
Pois, já destruiu tudo e a si também.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Não Se Cale - Poesia

As vezes nos calamos,
Quando deveríamos bradar
Aos quatro cantos...

Dizer o que sentimos,
Ao invés de sufocar o grito,
Escondendo as emoções no íntimo.

Emudecemos e nada falamos,
Aí, a outra parte não ouve,
Que ainda a amamos...

domingo, 12 de setembro de 2010

Mordida Vampira - Indriso

No crepúsculo vespertino deu para ver
O momento que surgiu a linda morena
Nós dois nos amamos até o dia amanhecer.

Logo que partiu a minha linda morena
Percebi que não suportaria mais o sol ver
Então eu vi que se tratava de uma vampira

Que ao me morder penetrou o meu coração

Agora sou vampiro, mas cheio de paixão...

Selva de Pedra - Indriso

Guardo em meu peito a saudade viva
Das sombras que as árvores faziam
Hoje elas são meras florestas esquecidas.

Quanto aos homens, eles só desmatam as florestas
Para viverem em plena selva de pedra
Sombras das árvores agora? Só em novelas.

Arvoredos ou bosques... Veja poeta!

Só nas histórias das cinderelas.

Mentiras - Indriso

Nada o que você me diz é verdade
A sua amizade é circunstancial
Agora acredito nessa realidade.

Ao se aproximar de mim
Só tinha em seu coração maldade
E as suas mentiras, só me iludiam...

Agora duvido de sua sinceridade

Sua amizade tem base na relatividade.

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Sua Ausência - Indriso

No silêncio da noite
Sinto a sua ausência
Na cama só falta você!

No seu olhar me prometera
Que não me deixaria
Nessa dor que me alucina.

Sem a sua presença eu sinto dor...

Veja as lágrimas que derramo amor!

Magia do olhar - Indriso

A magia do meu olhar
Junto a um toque sensual
Desvendou os seus segredos...

Fez o seu corpo arder em chamas
Fazendo que sensações e desejos
Renascessem dentro de ti...

Agora dona dos seus anseios

Está livre para se entregar a mim...

Corpo Nu - Indriso

Corpo sensual
Um lindo violão
A mulher escultural

Balança o coração...
Ao contemplar seu corpo nu
Viajo na imaginação

Vou tocá-la cheio de fogo

E lhe amarei com paixão...

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Romance Impossível - Poesia

Eu tanto quis te amar
Palavras suaves eu queria te falar
Andar ao seu lado e lhe tocar
E com você sonhos doces sonhar

Sentir saudades sua e poder telefonar
Sabendo que do outro lado você está
Louca para me ouvir e falar
Que sem o meu amor não consegue respirar

Mas a vida não é tão simples assim
E o sol não pode a lua amar
Nem as estrelas conquistar o mar
Sem a pena de se afogar

Meras formalidades querem nos separar
Problemas de ordem cultural e familiar
Sem a preocupação de uma chance me dar
Para mostrar que lá, eu também posso chegar.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Palavras Sussurradas - Poesia

As palavras sussurradas
Em meus ouvidos atentos
Levam-me as loucuras...

Nossos corpos envolvidos
Num abraço sedento
Dessa linda aventura...

Une meu peito aos seus seios
Quente, gostosos
E desejosos por prazer...

É muito tesão
O meu sexo junto ao seu
A até o amanhecer...

Orgasmos múltiplos virão
Vou te consumir por inteira
Para ter a certeza que voltará...

domingo, 5 de setembro de 2010

Unidos Pela Amizade - Poesia

Para estabelecer relação
Os dois lados deve ter afinidade
Concórdia, harmonia e associação
Geram sentimentos de amizade.

A ligação na relação humana
É um conjunto de reciprocidade
Ao torcer pelo sucesso da outra parte
As pessoas mostram que se gostam de verdade

Ao cometer algum tipo de erro
Levado pela adversidade e distração
Se conhece o amigo verdadeiro
Que dispensa qualquer tipo de explicação

Os amigos são pessoas de valores
Direcionam a outra parte ao sucesso
Não ignoram os seus semelhantes
E nunca apontam os seus defeitos

Os amigos trocam sentimentos e se equivalem
Ser amigo é ser mais do que parente.
Quanto aos indiferentes
Os assuntos nunca batem

Aos poucos cria-se ruptura na relação
E todos se afastam
Vai cada um para o seu lado
Porque não há neles afinidades.

Escolhas na Vida - Poesia

Em todas as situações da vida
Temos sempre que escolher
É o querer do ser humano
Sua vontade de vencer

A cada momento na vida
Tomamos decisões
Se não fizermos uma boa escolha
Sofreremos com as reações

Resistir à graça e de Deus
Traz consequências relativas
Ao servir a esse Deus
O ser humano muda vida

Jesus está constantemente
Tocando em todas as vidas
Perguntando para as pessoas
Se elas querem ser limpas

Não é por força ou violência
Mais pelo simples querer
Pois é lícito fazer
O que quiser do seu ser

Graça Benéfica -Poesia

Graça é beleza
Graça é agradecimento
Graça é elegância
É favor que não merecemos

Ao sentir a satisfação
Do alivio e do contentamento
Por um ato espirituoso de Deus – Dizemos...
Obrigado, mais não entendo.

Mas com o passar do tempo
A graça, nossa esperança
Conduz-nos ao arrependimento
Cheia de sabedoria e prudência

Ela é paciente e benéfica
Gratuita, sem pagamento
Superabundou na fé e no amor
Deixando-nos sóbrios no entendimento

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Você Só Quer - Soneto

Você quer que eu lhe compreenda
Mas o que eu senti foi tamanha decepção
Você não quer que eu tenha ódio
Mas foi só o que sobrou no meu coração

Você quer que eu encare com naturalidade
Mas eu fui traído com esse ato de ingratidão
Você quer que eu aja com modernidade
Vendo os direitos iguais só na hora da traição

Pede para eu não dizer nenhuma palavra torpe
E quer que eu me lembre só dos momentos bons
Mas em nenhum momento me diz palavras doces

Diz que mede cada palavra e não me desagrada
Mas no final dessa história sabe o que vai ficar?
Os filhos no meio, você pra lá e eu pra cá.

Noite Carioca - Soneto

Noite de verão na lapa
Noite carioca que agrada
Agenda jovem pra lá de agitada
Pura emoção extravasada

Noites na lapa, noites de verão,
Propícias para ardente paixão
Essa paixão que nos leva a sentir
Um calor imenso no coração

É pura loucura! Acelera o coração
Leva-nos a perder o sentido da razão
Para vivermos uma intensa emoção

Perdemos constantemente a cabeça
E não sabemos mais o que pensar
Com toda intensidade só queremos amar.

Silêncio Inocente - Soneto

Silêncio é o remédio na humilhação,
Calar-se não configura consentir.
Silêncio trás paz ao sofrido coração,
Deus exalta o silencioso no porvir.

A acusação sem causa não tem poder,
Não realiza o desejo do desafeto.
Haverá sempre o retorno pra valer,
Para quem apontou o dedo incerto.

O justo silêncio de quem está acuado,
Muitas vezes por não saber o que fazer,
É Levado ao desespero por ser acusado.

Pobre homem, só tem Deus a lhe socorrer...
Que ao certo não o deixará decepcionado,
Silêncio inocente, foi só por nele crer...

Teatro - Soneto

Nunca havia ido ao teatro
Quando eu fui me apaixonei
Os artistas estavam centrados
Eram tantas coisas que nem sei

Uma cena melhor do que a outra
As falas muito inteligente
Realizava-me a cada aventura
Nunca vi atuar tanta gente

Lá os artistas interagem
Com a platéia enlouquecida
Eu nunca vi tanta tietagem

O teatro é maravilhoso
E mesmo não sendo popular
Faz parte da vida do povo

Seja Forte - Mensagem Poética

O fraco evita, tem medo de sofrer
O covarde fica na pista, tem medo de crescer
O forte não hesita, quer ver para crer

O fraco não tenta, tem medo de fracassar
O covarde desiste, tem medo de decepcionar
O forte vence, vai até tudo terminar!

O fraco não sorrir, por medo de tolo parecer
O covarde não assume, por medo de se envolver
O forte sempre arrisca, não tem medo de morrer

O fraco em sua vida não dá um passo adiante
O covarde quando precisa fica sempre em transe
O forte com suas atitudes destemidas segue avante

Mesmo quando em sua caminhada nada consegue
O forte tem em suas atitudes um gerador de liberdade
E todos a sua volta de alguma forma crescem

Amigos de Fé - Mensagem Poética

Como é bom receber um abraço amigo...
Onde não há falsidade
O ambiente é cheio de mimos
A serenidade vira rotina
Tornando o dia mais lindo
E a cada passo que damos
Sentimo-nos mais protegidos

Como é bom ter amigos...
Quando estamos distantes
Eles ficam loucos para nos ver
E ao chegarmos bem perto
Recebemos um abraço forte e pra valer

Como dói a saudade de um amigo...
Quando a vida nos oferece a surpresa
E o amigo some sem nenhuma explicação
Vai para nunca mais voltar – Lembremos!
Ele deixou marcas que jamais se apagarão
Pois quando o amigo é bom
Para o outro é como um irmão.

Minha Rainha - Mensagem Poética

Quando uma moça descobre que está grávida
Tem um misto de medo, alegria e emoção.
Mas jamais rejeitará a sua cria.
Fruto de um ato pensado, de amor e paixão.

É conservadora dos valores sociais
E nunca o incentiva a progredir na vida
A custa da rebelião contra o que é certo - E tem mais!
Mantém-se por toda uma vida de maneira digna.

Mãe é palavra doce, o seu nome é renúncia,
Mãe não trai e não abandona o seu filho,
Mesmo se o caminho do mal for o escolhido.

Mãe jamais os deixa só e sempre oferece ajuda
E quanto ao título de rainha, mais do que merecido
Ela jamais o perderá.

Homenagem a todas as mães, em especial a minha!!!

Patriota às Avessas - Poesia (Humor)

José, hoje é dia de grande jogo!
Do Brasil ou do clube que amo?
Do Brasil, mas os dois são fogo!
Quando começar eu te chamo.

Pelo futebol do meu País eu mato
Comigo não tem brincadeira,
Eu sou José da silva Honorato e,
Quem me desafiar, eu meto a peixeira...

José o nosso país está de mal a pior
Pagamos duas vezes serviços fundamentais
E ninguém vai as ruas lutar pelo melhor
Mas, quando é futebol parecem até satanás...

Os políticos aprovam leis pela elite pretendidas,
Projetos anti-populares e várias coisas malditas
E dizem que estamos bem em nossas vidas,
Mas aumentam os seus salários sempre as escondidas.

Falam sempre que vivemos na democracia.
Porém, calam todas as pessoas de bem
Eles pressionam as famílias constituídas
Para aceitar várias coisas do além...

Somos eternos macacos dos norte-americanos
E nesse momento você não é patriota!
Marionetes enganados nos carnavais e nas copas
Pela nação você não mata e não morre,

O que você é mesmo? Idiota!

Ex. Escravos - Poesia

Veio de muito longe um povo obstinado
Sofreram perseguições, estavam exilados
Vieram de caravelas, vendidos e capturados
Sofreram nesta terra, eram apenas escravos...

O tempo passou e tudo na vida mudou
Hoje eles ganharam os seus espaços
Com qualidade, educação e bom humor
Pois venceram todos os obstáculos.

A discriminação que já foi muito forte
Hoje está quase totalmente superada
Não devemos discriminar a outra parte
Nem tentar agir de forma totalmente errada...

Bailarina - Poesia

Sonho de uma linda criança
Essa menina nem pensa no revés
Bailarina ela quer ser àbeça
Estuda sempre na ponta dos pés

A mãe tenta tirar de sua cabeça
Diz ser um sonho impossível
O governo ao meu ver sem destreza
Torna esse sonho não acessível

Menina pobre como é difícil sonhar
Será que Deus não olha para ela
Os governantes só lhe mandam nadar
Eles não querem investir na Cinderela

Choro de Mãe - Rondel

O choro da mãe inspira sentimento
Afaga as lágrimas sempre que precisa
Desespera-se com a dor todo momento
Das atitudes de sua cria sempre evasiva

Quando se inclina para a coisa ilícita
O caminho torna-se de muito movimento
O choro da mãe inspira sentimento
Afaga as lágrimas sempre que precisa

Seu filho acalentado ao vento
Quando não dá a esperada alegria
Parece que foi jogado ao relento
Leva sua mãe a uma enorme empatia
O choro da mãe inspira sentimento

Princesa - Rondel

Fiz de você minha linda princesa
Meu coração é um dos seus castelos
Quando estive sem minha camisa
Borrei em meu peito alguns versos

Leia cada um deles sem pressa
Na loucura sou dos mais belos
Fiz de você minha linda princesa
Meu coração é um dos seus castelos

Quis ter você junto a mim acesa
Por isso me comprometi em versos
Refletia minha alegria tensa
Dentro está cheio de sentimentos
Fiz de você minha linda princesa

Recomeçar - Rondel

Eu quero recomeçar a viver
Recuperar o tempo perdido
Curar as feridas e renascer
Trilhar destino desconhecido

Há dores no caminho escolhido
Não apaga e nem faz esquecer
Eu quero recomeçar a viver
Recuperar o tempo perdido

Novo caminho eu não vou prever
Mudarei a direção com cuidado
Desse jeito não terei prazer
Agora ouvi meu coração alado
Eu quero recomeçar a viver

Procurei-te - Rondel

Procurei-te em todos os lugares
Precisava tanto de você por perto
Queria sentir seus toques suaves
Sozinho estava num sonho esperto

Meu coração não está há contento
Na sua ausência sinto saudades
Procurei-te em todos os lugares
Precisava tanto de você por perto

A distância esfria as mentes
Não me deixe num só lamento
Fui entre todas as almas viventes
A paixão deixa quente o momento
Procurei-te em todos os lugares

Primeira Vez - Soneto

A primeira vez sempre é maravilhosa
A primeira vez é cheia de mistério
A nossa primeira vez foi estrondosa
A nossa primeira vez foi sem revertério

Percebi você agindo como uma criança
Olhando ao redor sem saber distinguir
O enigma de um encontro apaixonado
Suspiro misturado de um gozo sem fim

Nossos corpos se misturavam
Como num passo de uma canção
As curvas também se encaixavam

Côncavo e convexo com perfeição
Assim durante a noite nos amamos
Fomos feitos para essa emoção

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Xenófobo - Poesia
















Porque se importa
Com a minha xenofilia?
Já que não ajuda ao próximo
Por causa de sua xenofobia!

O estrangeiro muitas das vezes
Se vira como xepeiro,
E sobrevive da esmola
Para não ir pro xilindró.

Mas se fizer dele o seu xodó!
Deixará de ser bisonho
Como um xucro,
Tornando-se um sujeito com dó.

Ajudará o estrangeiro,
Como faz com o brasileiro
E de coração aberto
Na certeza que fez o seu melhor.

Segredos - Soneto

Segredos de uma vida
Deixa o homem tedioso
Ele guarda na memória
Um ato vergonhoso

Na luta pelo seu ideal
Às vezes ele tropeça
Cria inimizades sem igual
Mesmo assim não confessa

Não ouve e nem se detém
Para não se deixar levar
Pois alguns não o querem bem

Mas faz parte de sua vida
Praticar sempre os atos bons
Retirando assim toda carga escondida

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Respeite a Sua Esposa - Mensagem Poética

As lutas do dia a dia mostram bem a diferença
Da mulher que te ama para mulher que te quer

As vezes o querer é só um sentimento carnal
Não tem nele inserido o verdadeiro sentimento

A mulher que te ama lhe quer bem de verdade
Tem responsabilidade, cuida e se importa contigo

Nos momentos de tristeza está sempre ao seu lado
E quanto aos de alegria quer junto a ti vivência-lo

Diferente da mulher que te quer e só pensa em desfrutar
Dos melhores momentos de sua vida, até ele acabar.

Quando estiverem escassos os seus dias te excluirá
Com a mesma facilidade que entrou em sua vida

Deixando para trás marcas muitas vezes difíceis de apagar
Respeite a sua esposa, ela é a mulher que você decidiu amar.

Cara Metade - Mensagem Poética

Você é minha esposa, a minha cara metade
Ao começá-la namorar não tinha a noção
Que junto formaríamos uma só carne.
Pensava apenas curtir a emoção
De um momento muito bom da jovem idade
Mas você me laçou o coração
Hoje formamos uma bela família
E lutamos juntos contra as adversidades
Procuramos dar o melhor as nossas filhas
Mesmo que isso implique as nossas vaidades
Entendemos que não somos mais uma ilha
Em família a nossa vida é só felicidade.
Sabe que merece toda minha homenagem,
Sempre guerreira nas adversidades,
Nunca abandona a sua cria e tem coragem
E nas difíceis situações luta de verdade.

Fonte da Vida - Rondel

Precisava desesperadamente de água
Estava há dias sentindo muita sede
Uma fonte jorrava cristalina água
Então eu pude beber à vontade

Eu matei logo a minha necessidade
Naquele lugar onde a fonte desagua
Precisava desesperadamente de água
Estava a dias sentindo muita sede

Em sua bondade nos dará viva água
Se conhecermos o Deus da felicidade
Ele é a fonte da vida que sacia de água
Menos os fariseus em qualquer idade
Precisava desesperadamente de água

Filhos São Bençãos - Mensagem Poética

Muitos os chamam de danadinhos
Outros de atraso de vida
Para Deus eles são presentes enviados
Permissão dada ao homem a criação
No momento da concepção somos um pouco Deus
Durante a criação obstinados pelo sucesso deles
Depois de construí-los nos sentimos orgulhosos
Já velhinhos curtimos os netinhos, filhos deles.
Filhos são benção, devemos educá-los
Cuidar deles com todo carinho e atenção
Protegê-los sempre em qualquer ocasião
Para quando Deus nos levar, podermos dizer:
Que cuidamos bem da nossa criação.
Pais ame sempre os vossos filhos;
Filhos honre sempre os vossos pais.

Reconciliação - Poesia

Não tenha pressa para mostrar as qualidades
Dentro da natureza nada se faz bruscamente
Fale com delicadeza frente as dificuldades
somos parte dela, por isso haja suavemente

Quando nos precipitamos e agimos sem pensar
As palavras tornam-se piores que o silêncio
Os casos de amor são iguais em qualquer lugar
As dores sentidas nos deixam sem inteligência

Os valores desses sentimentos estão amparados
na intensidade e não no tempo em que ocorrem
Sabemos que todos nós não somos maus amados
E amamos mais do que necessitamos de alguém

Os momentos passados com a pessoa que amamos
Em nossa memória são praticamente inesquecíveis
Seremos felizes, acredito que nos reconciliamos
Pois o amor faz de nós, pessoas incomparáveis.

Luz do Luar - Rondel

Graças a maravilhosa luz do luar
Um amor já fragmentado retornou
Não existia mais esperanças no ar
Agora enamorado com ela estou

Ansiedade antes forte, desfaleceu
Curtimos uma noite de se admirar
Graças a maravilhosa luz do luar
Um amor já fragmentado retornou

Nós dois vivemos um novo despertar
Ocorreu numa noite fria por inteiro
Nossa paixão voltou a desabrochar
Como uma flor no meio do canteiro
Graças a maravilhosa luz do luar

segunda-feira, 9 de agosto de 2010

Árvores - Poesia

Eu sou a sua maravilhosa árvore,
Se estiver estressado é só me olhar.
Sou útil em minha diversidade,
E quando você não tem onde morar,
De mim constroem a sua felicidade.

No sol quente, eu faço a sombra.
Quando sente fome, envio frutas.
O calor está demais! O refresco...
Quando você está com muito frio,
De mim faz fogueira e se aquece!

Atualmente eu ando muito triste,
Com fúria você tem me arrancado...
Sua cruel ação deixa-me pequena,
Como uma andorinha em suas mãos...
Pois, friamente tem me dizimado!

Ao ouvir o barulho da moto-serra,
Ficamos loucas para fugir de ti!
Mas todas estamos presas às raízes.
Sabemos que juntas vamos morrer,
E um novo pasto nascerá por aqui.

Eu sei que pecuária tem dado lucro,
Mas sem árvores os rios secarão...
Administra um poder muito chucro,
Sem água todos de sede morrerão...
Aí, você irá perder o seu rumo!!!

domingo, 8 de agosto de 2010

Meu Herói - Mensagem Poética

Quando criança o nosso pai é um gigante
Herói e detentor da verdade absoluta
Ai de quem falasse do nosso pai
Arrumaria uma briga bruta.

Já na adolescência esse mito é derrubado
Chegamos a achá-lo quadrado e atrasado
E quanto aos seus conselhos, hum...
Os ouvidos estão tapados.

Em plena juventude
Reconsideramos alguns conselhos,
Não todos, apenas alguns
Os valores ainda estão invertidos.

Mas quando finalmente
Alcançamos a maturidade
E passamos por tudo o que ele já passou
Concluímos ter ele razão em tudo.

Contudo para muitos já é tarde
E não terão mais como dizê-lo:
Pai eu te amo, o senhor sempre teve razão
Em tudo o que me falou, você é meu herói.

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Sexo frágil - Poesia (humor)

Queria entender,
O tal sexo frágil.
No faça como quiser,
Sou sempre ameaçado...
Você vai me pagar,
E muito caro por isso!
Nesta eu dancei,
Não sei mais o que faço...
Quando diz que sim,
Sua tradução é sempre não.
Precisamos conversar...
Vai querer falar de mim,
E sem nenhuma razão...
Busca alguns argumentos,
Eu sem saber dar explicação.
Ao dizer não estar chateada,
Mostra-se como um vulcão,
Tornando a relação conturbada!
Neste vai e vem sem emoção.
A casa de filhos vai se enchendo...
As contas não param de chegar,
Essa mulher eu não entendo.
Parece nas finanças me amarrar...
Não concorda em nada comigo,
Mas como fugir, nem pensar!
A maldita vem atrás aos gritos...
Dessa eu não vou me livrar!
Na troca de roupa, continua gorda...
Mas quer amor na velocidade do créu.
Essa mulher não fecha a boca,
E só faz amor no breu...
Então, eu fico só no canto a pensar...
O que será que eu fiz pra Deus!

Caminho Para Felicidade - Poesia

Ao caminhar pela vida pensando em ser feliz
Desperdicei parte do meu tempo com futilidade
Achava que alcançaria o que eu sempre quis
Na certeza que transformaria sonhos em realidade

Não sabia que a felicidade estava dentro de mim
Era questão de só priorizar as coisas certas
Sofri muito no meu percurso até chegar aqui
Buscava minhas forças nas coisas incertas

O meu trajeto foi complicadíssimo de se trilhar
Nos momentos mais difíceis me sentia sozinho
Até que um dia senti alguém forte me segurar
Andando lado a lado comigo num lindo sorriso

Lembro-me muito bem desse dia... Com alegria!
E não tento buscar mais outro caminho ou saída
Viajo sempre ao meu interior e sei o que eu faria
Em qualquer situação, pois ele vivo está todo dia.

Ele oferece ajuda para quem quiser ser feliz
Basta olhar ao seu redor e ver as pessoas bem
Tanta gente reflete em seus rostos que são livres
É porque com paciência ele as alcançou também

O Que Vem Daí? - Poesia

Quando me beijava declarava amor eterno
Dizia ter carinho respeito e fidelidade
Sorria em meus braços com o semblante terno
Ao me afastar declarava estar com saudade

Ao passar o tempo você mudou o comportamento
Nada mais valia a pena, era tudo, o tanto faz...
Desprezava-me e entristecia-me a todo o momento
Dizia aos outros: Carinho eu não tenho mais!

Quando eu percebi que aos outros se declarava
Veio com a desculpa de que tudo era amizade
Vulgarizava todos os sentimentos às claras
O que vem de você é mentira ou verdade?

A nossa história é de lutas e vitórias
Não pode ser esquecida por van banalidade
Combatemos lado a lado pressões que vieram de fora
Mas você mudou, e agora, é mentira ou verdade?

Se for mentira eu não te quero mais
Assuma a sua responsabilidade
Se for verdade você está junto a mim
Despreze o erro em prol da seriedade.

Rios do Brasil - Mensagem Poética

Os rios são correntes líquidas
Resultantes da concentração do lençol d’água num vale
E ao longo de sua história serviu de inspiração para os homens.

Nas margens do Ipiranga foi dado
O grito de independência da nação
Mudando a direção de fato
Fazendo do Brasil um país de auto gestão.

Várias cidades o exaltaram
Carregando a leveza do seu nome
Da bela cidade do Rio Preto
Ao meu Rio de Janeiro.

Através dele o Amazonas foi desbravado
Levando-nos a conhecer o seu povo ribeirinho.
Nele Narciso se viu pela primeira vez
Apaixonando-se à primeira vista.

Ao navegá-lo o homem branco viu a linda morena
De cabelos negros, longos e escorridos
Pernas roliças e um sorriso encantador
Apaixonou-se também à primeira vista.

Índia verdadeira representante da nação tupiniquim
Mulher linda e de grande valor.

...Infelizmente não estamos cuidando bem dos nossos rios...

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

O Caçador e a Borboleta - Poesia (Humor)

Ao abrir a janela perto do aquecedor
Eu sempre percebia que a borboleta
Conversava muito com o seu caçador,
Dizendo sempre sseta, sseta, sseta.

O caçador combinou que não iria pegá-la,
Desde que ela não voasse para outro jardim.
Pois ele queria decifrar o código sseta
Junto a borboleta e a família que crescia ali.

O tempo passou e os filhotes voaram
Indo em segurança para bem longe dali,
A borboleta em sua última conversa
Disse-lhe assim: Caçador senta aqui!

O código que você não decifrou,
O significado da palavra sseta,
Pode acreditar, você nem se ligou...
Mas eu vou lhe dizer: És otário pra casseta!

* * *

Após enganar o caçador a borboleta fugiu em segurança com a sua família.

Paz Eterna - Soneto

O mundo pede a paz
Nas manchetes de jornais
E nas grandes concentrações
Todos querem a paz

Mas a verdadeira paz
Só Jesus é quem pode dar
É Ele quem faz brotar no interior
Dos corações dos homens o amor

Um amor tão contagiante
Que nos leva a suportar uns aos outros
Cultivando assim uma paz exterior

Reflexo de uma paz interior
Gerada pelo dono do amor
Jesus, o Príncipe da Paz.

Verdadeiro Cão de Raça - Poesia

Nas ruas dos subúrbios
Existem vários cachorros,
Desde os bem tratados
Que só comem rações,
E vão sempre ao petshop.
Até os mais maus tratados,
Que só comem nos lixões
E tem as ruas como os seus sexshop.

Os de raças tomam vacinas,
Vira latas! Só nas pracinhas.
Os de raças andam limpinhos,
Vira latas! Todos sujinhos.
Os de raças vivem de dengo,
Viras latas! Quase de vento.
Os de raças morrem de câncer,
Viras latas! Morrem de fome.

Esta luta pela sobrevivência
Mostrou-nos o outro lado da vida,
Antes de qualquer interferência,
Pense na opção escolhida.
Analisando o modo de sustento,
Vemos os verdadeiros cães de raças.
Os vira latas sempre surpreendendo,
Foram eleitos os donos da marca.

Carências - Soneto

Nesta vida as desilusões
Levam as várias carências
Elas afetam os corações
Ao longo de cada vivência

Sendo importantes ou não
Quando atingem em cheio
Ferem o ego dos humanos
Os deixando com receios

Suportar momentos adversos
Não é para qualquer um
Tem que estar como versos

Sempre bem encaixado
Em sintonia com Deus
E se mostrar determinado

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Triste Canto - Poesia

Pulo de poleiro em poleiro,
Não sei mais o que fazer,
É minha sina o dia inteiro,
Estou preso sem nada entender.

Qual será o crime que cometi?
Fale logo e não me enrola.
Vejo pássaros livres, vivendo por aí...
Muitos vem até a minha gaiola!

Neste teu silêncio eu pude observar,
Que desprezas esses pássaros pelo ar,
E só me prende porque eu sei cantar,
Quanto a eles, estão livres a voar.

Eu canto é para esquecer,
O meu canto é muito triste.
Alegria seria... Você me conceder!
A liberdade que ainda existe.

Um Dia é Pouco - Poesia

Nossa história começou
Com um simples olhar
Mais o tempo passou
Levando a paixão a dá lugar

Ao sentimento mais profundo
Tornando tudo mais relevante
Hoje somos um só no mundo
Somos eternos amantes

O nosso envolvimento
Aumenta a cada dia
Já não ando sonolento
Penso em você com alegria

Dengosa, paixão, amor e doçura
Adjetivos prá lá de merecidos
Para alguém que me leva a loucura
Com simples gestos de carinho e ternura

Para nós namorados um dia é muito pouco
Para expressar tamanha emoção
Sinto você por inteiro
E não somente no coração.

Acreditando Em Ilusões - Poesia (Humor)

Você acredita no primeiro amor
Você acredita em grande união
Você acredita em disco voador
Você acredita na louca paixão

Você acredita nas autoridades
Você acredita num mundo melhor
Você acredita na sociedade
Você acredita em lindas frases

Você acredita em purgatório
Você acredita na reencarnação
Você acredita em falar com os mortos
Você acredita no Fla hexa campeão

Você acredita que Elvis não morreu
Você acredita em papai Noel
Você acredita que o homem foi à lua
Você acredita em tudo...

Só não acredita no papai do céu.

Canto do Sabiá - Rondel

Acordei com o lindo canto do sabiá
Emoção que há tempos eu não tinha
Ele estava do outro lado da minha laia
Numa das lindas árvores da vizinha

Das poucas árvores que ainda tinha
Foi bom ouvir o som da outra laia
Acordei com o lindo canto do sabiá
Emoção que há tempos eu não tinha

Via o pássaro cantando na Bahia
Hoje anda triste, preso na gaiolinha
Não pode nem se quer voar, só apóia
Árvores agora só na roça, lá na maninha
Acordei com o lindo canto do sabiá

terça-feira, 3 de agosto de 2010

O Poeta e a Natureza - Rondel

Os poetas são como os pássaros
Enquanto recitam os seus versos
E os pássaros cantam entusiasmados
Os dois contemplam as flores e riachos

Recebem de frente os ventos
Buscam ouvir os seus sons atentos
Os poetas são como os pássaros
Enquanto recitam os seus versos

O poeta se inspira também nos inventos
Percebe o som natural há tempos
As folhas caem a todos os momentos
Como a melodia da música dos eventos
Os poetas são como os pássaros.

Momento Inesquecível - Poesia

Momento inesquecível
Com ternura aconteceu
Em meus braços você entregue
No orgasmo meu e teu...

Em meio as fantasias
Nos enchemos nesse viver
Vejo suas grutas úmidas
Corpos quentes pra valer...

Viajo em suas curvas
Sinto sua pele macia
Encontro aqui meu aconchego
Em chamegos e carícias ...

Pode em mim com certeza
Sempre se aquecer
Sou seu homem, que beleza!
Teu protejo no prazer...

Flores do Jardim - Rondel

Avistei as flores do jardim
Era a mescla de lindas flores
Nunca vi jardim florido assim
Com tantas variedades de flores

Olhei para o céu em pleno revés
Vi chegar muitas nuvens sim
Avistei as flores do jardim
Era a mescla de lindas flores

Ao observar um campo sem fim
Contemplei a maravilha várias vezes
Queria uma vida dessa para mim
Esperança possível sem deveres
Avistei as flores do jardim

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Pobre Anjinho - Poesia

Estava em casa quietinho vendo a tv,
Quando alguém começou a tagarelar,
Eu sou a favor do aborto, sabe porque?
Uma mulher tem o direito de opinar.

É a sua vida que está em jogo
O seu futuro ela não pode fora jogar,
Para que uma gravidez sem desejo,
Já que só queria no momento de sexo, amar.

Curioso eu fiquei a pensar sobre esse ato.
Como pode um ser humano assim falar,
Dizer que é a favor de um assassinato!
Sem chances a um pobre anjinho dar.

Depois querem a paz no mundo
Sendo tolerantes com os criminosos.
Estão colaborando para o triunfo,
Do mal sobre o bem sem remorsos!

A vida já começa na concepção,
Ao abortar tu matas um filho seu,
Horrendo ato, desumano e de decepção,
Triste fica a família e também Deus.

Virtude dos Fortes - Poesia

Ouço os cantos dos pássaros
O sino da igreja começa a tocar
Vejo um novo amanhecer
E nada mudou em meu viver

Ouço o eco de uma voz
Dentro de mim pedindo vingança
Depois de uma caminhada que muito me dói
Onde carreguei humilhação e vergonha

Não matei dezenas de leões
E abri mão de coisas importantes na vida
Para hoje ser um algoz
Não foi isso que escolhi para mim

Não posso permitir que venha me destruir!
Já me mato diversas vezes enquanto ajo como hipócrita
Perdoando quem não se arrepende
E por mais que eu me importe não se importa.

Mas, num leve despertar! Ouço outra voz.
Ela bate no meu peito
E diz para eu não levantar
A espada de nenhum jeito

Pois só quem conhece a beleza do amor
E a profundidade do perdão é o Perfeito
Perdão é virtude dos fortes
E assim eu vou perdoando

Caminhando rumo ao amor
Um amor de cumplicidade
Muitas vezes prometida
E quase sempre não cumprida.

Mais Que Vencedor - Mensagem Poética

Quando olho para trás
Sinto uma enorme tristeza
Por saber que fui covarde
Ao não suportar as tribulações dos justos
Quando olho para os lados
Vejo dúvidas que podem me influenciar
A desviar do caminho reto
E de agrado a Deus
Mas quando olho para frente vejo Jesus
Aí, compreendo a necessidade
De suportar as tribulações dos justos
E seguir a sua luz,
Não deixando que as dúvidas
Entrem em meu coração.
Ao ver Cristo preso àquela cruz
As mãos furadas e ensanguentadas do meu Jesus
Desejei negar a mim mesmo para ser seu seguidor
Procurando agir em conformidade com ele
Para assim poder dizer que sou mais que vencedor.

Melhor Negócio - Poesia

Às vezes penso como é bom ser amado,
Mas amar é melhor ainda!
Às vezes penso na sinceridade que gosto,
E não na perfeição, ela não existe!
Às vezes penso em deixar as pessoas mais felizes
E nunca lhes provocar dores!
Às vezes penso nas ingratidões sofridas,
Elas doem mais do que as simples traições!
Às vezes penso o quanto fui ingênuo em alguns momentos da vida,
Por tentar amar quem não queria o meu amor,
Por perdoar quem não queria o meu o perdão.
Importava-me enquanto os outros não estavam, nem aí!
Quantas vezes eu me aproximei de pessoas,
Que não me queriam por perto.
Quantas vezes eu abracei, pulei e sorri,
Junto a pessoas que fingiam me amar.
Confesso também ter agido errado com pessoas do bem,
E ter sido generoso com quem não merecia.
Confesso meus dissabores e minhas tristezas,
Provocadas pelas ações dessas gentes frias...
Confesso não ter sido legal nas horas certas,
E tentar buscar soluções nas horas incertas...
Confesso sentir um clima de estranheza,
Onde deveria me sentir em casa!
Naturalmente os meus olhos agiam como espelhos...
Eles refletiam tudo o que eu pensava e desejava em alguns momentos
E muitos ao perceberem me ignoravam.
Cheguei a pensar, que se alguém me mostrasse o amor;
Eu não seria digno dele, e por isso muitas vezes quebrei a cara.
Aprender da maneira errada, fez-me mais tarde agir da mesma forma que eles...
Quanto às incertezas da vida, elas causam um misto de sentimentos,
A loucura, a ternura, as coisas sensatas e inexatas provocam um furor danado!
Contudo, acordei a tempo e vi que o amor ainda existe.
E todos são dignos desse amor, e amar é o melhor negócio.