sábado, 15 de maio de 2010

Infindáveis Matizes - Poesia

No mundo colorido ao contrário do preto e branco
Os matizes de várias cores fundem os sentimentos
Pois na combinação das cores existe o romantismo
Sem a surpresa do acaso e do infindável cinzento

O amarelo nos aquece assim como o sol
E o vermelho reflete o sangue que é vida
Nessa mistura deu laranja com sua força nutritiva
Transmitindo para nós toda a sua energia

O verde ressalta sua beleza natural
Junto ao azul do mar numa visão matinal
A cor ébano dos arbustos das regiões mais quentes
Contrasta com o branco da neve glacial

Na mistura das cores entre os seres humanos
Que tinha o vermelho o preto e o branco
Deu origem a um grande país mulato
Correspondendo a simetria dos nossos acasos

Nenhum comentário: