sábado, 17 de julho de 2010

Eu Corro Demais - Soneto

Eu corro demais, mas estou ficando para trás
Será que está faltando a famosa qualidade?
Porque nada do que eu faço me apraz...
Ou será que está faltando apenas seriedade?

Percebi que estou andando em círculos
Cada ação por mim realizada gera retrabalho
Busco excelência em tudo o que eu digo...
Na prática sai tudo errado e me atrapalha.

Dizem que de boas intenções o inferno está cheio
Então como agir com a bondade que me deleita
Agradando a Deus para ficar sem o peso e receio.

Sabendo que o tempo urge e por isso, eu corro demais
Tenho que aprender a fazer o trabalho bem feito
Para andar na frente sem ter que voltar atrás...

Nenhum comentário: