quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Carências - Soneto

Nesta vida as desilusões
Levam as várias carências
Elas afetam os corações
Ao longo de cada vivência

Sendo importantes ou não
Quando atingem em cheio
Ferem o ego dos humanos
Os deixando com receios

Suportar momentos adversos
Não é para qualquer um
Tem que estar como versos

Sempre bem encaixado
Em sintonia com Deus
E se mostrar determinado

Nenhum comentário: