terça-feira, 12 de outubro de 2010

Ler Você - Soneto

Queria tanto ler o seu pensar!
Saber o quanto você me ama.
Ler você para te enfeitiçar...
Com esperteza te levar pra cama.

Lhe surpreenderia todos os dias,
Pois saberia o que desejas.
Agiria sempre com maestria,
Faria tudo sem que vejas.

Iria ler também o seu coração,
Ver em que pedaço dele eu moro.
Aí, te amaria com muito mais paixão...

Dessa forma te prenderia a mim,
Lhe compreendendo a cada dia.
Aí, o nosso amor, jamais teria fim!

Nenhum comentário: