sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Promessas - Soneto

Quem busca muito prometer,
Ficará para sempre endividado.
No final não vai entender,
Que deu um grande passo errado.

A promessa não cumprida,
Faz do homem um mentiroso.
Toda promessa vira dívida,
Quem promete muito, faz pouco.

Ao prometer e não cumprir,
Perde-se em meio a desconfiança,
Sabendo que não poderá agir...

Uma promessa falsa é leviana,
Além de inspirar pouca confiança,
Corre o risco de não mantê-la.

Nenhum comentário: