quinta-feira, 10 de março de 2011

Como é Bom - Poesia

Como é bom ver a natureza viva
A nos apresentar a sua leveza
Como é bom ver a mulher linda
Cheia de elegância e beleza

Como é bom ver a criança
Na sua inocência a brincar
Como é bom se ver noutra vida
Querendo a vitória conquistar

Como é bom sentir Deus tocar
Quando está triste o coração
Como é bom poder alguém amar
Numa única e sincera emoção

Como é bom envelhecer em paz
Vendo os seus filhos ao redor
Como é bom saber que é amado
Por todos, do menor ao maior.

Um comentário:

monsoresprado disse...

muito belo...e também singelo o seu pensar. Parabéns Poeta.