quinta-feira, 10 de março de 2011

Onipresença - Poesia

O tempo passou mas deixou,
A lembrança de um sorriso.
Na tristeza que se instalou,
Lembrei-me de um carinho.
Nas lágrimas que rolaram,
O conforto de alguns abraços...
Nos momentos de crises,
Sempre uma palavra amiga.
Na mais completa solidão,
Senti a sua presença.
Mesmo só e calado,
Ouvia a sua voz.
Ao praticar algo ruim,
Percebia o seu olhar triste.
Nos meus maus pensamentos,
Um toque no meu íntimo dizia, não!
Mesmo antes de lhe conhecer,
Sabia que andavas comigo.
Em cada amanhecer,
Sempre me fortalecia.
Percebia minhas qualidades,
E abonava os meus defeitos.
Chamou-me a sua presença,
Eu fui cheio de alegria.
Hoje eu vejo tudo como um filme,
E sei que sempre esteve aqui.
A sua onipresença foi fundamental,
Enviou-me amigos circunstanciais,
E nunca me deixou sozinho.
Seus anjos sempre me rodeavam,
E só queria ouvir de mim uma frase:
Eis me aqui Senhor, faça em mim a sua vontade.

Nenhum comentário: