quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Embriago-me - Poesia

Embriago-me em seus beijos,
Na madrugada, no quarto vazio...
Na vontade louca dos meus desejos,
Meu sonho termina cansativo...

Tenho o meu sono interrompido,
Com uma linda musica ao fundo...
Sinto saudade do tempo de menino,
Onde não sofria neste mundo.

O sentimento guardado numa caixa,
Dentro do meu triste coração.
Aguarda a vida sorrir na hora exata,
Para poder revelar a minha paixão.

Como expressar o que acontece.
Face a face, bem junto a ti!
Não sei se acontece dentro de você,
Eu só posso responder por mim.

Vou tomar coragem e lhe falar,
Moça linda como eu te amo...
E quero você bem pertinho de mim,
Por favor, não ignore os meus prantos!

Nenhum comentário: