quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Energia - Poesia

A energia que vem do amor
Provoca-nos sentimentos imensuraveis
Quando esse amor nos atinge em cheio
Deixa-nos bem mais vulneráveis

Alguém ágil e cheio de vitalidade
Quando ama se mostra mais permissivo
Nunca se perde, cria mais maturidade
Melhorando assim todo o seu convívio

Ao ser atingido pela flecha do cupido
Sente-se entusiasmado na forte paixão
O amor nunca deixa ninguém iludido
Mas provoca um zun zun zun no coração

Esse sentimento fortalece e renova
Busca atrair a ternura pretendida
Quem ama se doa e assume agora
A sua alma gêmea por amor atingida

Nenhum comentário: