terça-feira, 20 de setembro de 2011

Catástrofe - Poesia

Quando vem o chuvisco é só alento,
Molha um pouco cada ser.
Dá um sinal perigoso ao entendimento,
Para que possamos as catástrofes antever...

A crueldade praticada pelo anseio de progredir
Leva a humanidade sempre a exagerar
Todos querem a lei da natureza transgredir
Destruindo a biodiversidade do lugar

A tempestade é uma forma de dizer socorro
Pois ninguém e nada suportam mais sofrer
Chuvas e raios sem cessar, que alvoroço!
É uma reação a covardia que não a vê.

Nenhum comentário: