sexta-feira, 27 de abril de 2012

Ficadinha - Poesia

No momento em que ficamos juntos,
Provei a grandeza do seu belo amor.
Não era apenas uma dessas ficadinhas,
Mas transformou-se numa cena de terror.

Você não entendeu os meus reais motivos,
Achou que eu queria somente usá-la.
Os instantes mais sombrios por nós vividos,
Era a reafirmação da minha certeza.

Hoje eu posso declarar aos quatro ventos,
Que podemos um dia ficar juntos e felizes.
Mas fiquei triste ao ver a sua triste carinha,
Não vai encontrar algo assim tão sublime.

Acredito na possibilidade desse amor...
Você tem o direito de pensar o que quiser.
Mas está cometendo um grande engano,
Eu penso em algo mais do que uma só vez.

2 comentários:

Aparecida Ramos disse...

Olá, Djalma, BOM final de TARDE! Parabéns pela criatividade. Tudo lhe inspira poesia, até uma rápida "ficadinha", menino! rsrs Gostei da forma como conduziu seus versos, mas não da "fic...". Sou "antiga", "conservadora" nesse ponto, penso que os relacionamentos deveriam ser duradouros. rsrs
Bjssssss na alma com saudades, querido.

Fátima disse...

Oi Djalma,

Então deixe isso mais claro..rs

Bom feriado pra você
Beijo meu