sexta-feira, 20 de abril de 2012

Zumbis - Poesia

O sentimento que provoca confusão num ser,
Mostra bem a falta de clareza dentro dele.
Entre o desespero e a rejeição o assolando,
Não sabe que caminho tomar em sua carência.

Encontra-se com a alma cansada e oprimida,
Sua vida está entregue em mãos alheias...
O abandono é fruto de suas escolhas erradas,
No bater do vento contrário não dá conta.

A frieza das ruas não o deixa perceber,
Que o final do poço, traz a morte eminente...
Talvez seja o vento que não deixa o calor aquecer,
Para que ele perceba a sua via dolorosa.

Sua condição “zumbi” não é suficiente para ele ver,
O mal que provoca a si mesmo e aos outros.
Sentir-se apunhalado pelo caminho mal escolhido,
Só quando estiver próximo do último suspiro!

Para aqueles que ainda podem sair dessa,
A proposta é lutar até vencer a batalha.
O crak é devastador em qualquer esfera,
Não se deve perder tempo para sair dessa furada!

Nenhum comentário: