sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Sonho Que Irradia - Poesia

Estava dormindo em meio a madruga,
Quando tive um sonho que irradia.
No amanhecer eu via a passarada,
Cantando animadas suas melodias...

Passeavam entre brumas na alvorada,
Trazendo a todos, beleza e alegria.
No fim de tarde os revia na revoada,
Em direção aos ninhos no fim do dia.

Um momento vespertino sem igual,
Pareciam bandos com autonomia...
Noite estrelada revelando algo divinal,
Meu sonho parecia uma linda profecia.

Como seria belo ver a nossa aurora
Despertar com as flores e esses cantos
Sublime volta aos tempos de outrora
Onde a natureza não se devastava tanto

Está na hora de mudar a consciência,
Trazendo a responsabilidade para si.
Vamos soltar os pássaros com maestria,
Tornando em realidade este sonho aqui!

4 comentários:

Kellen Bittencourt disse...

Oii amigo que sonho mais bom esse! o Canto dos pássaros nos traz alegrias! abraçossss

Filha do Rei disse...

Somos muito responsáveis pelo que acontece com a natureza. Que mais e mais tenhamos real consciência disto, só assim haverá grandes mudanças.
Lindooo poema! Bjs

Janice Adja disse...

Foi mesmo um sonho.
Beijos!!

Sopa de Letrinhas da Leninha disse...

Lindo poema! Parabéns. Um lindo fim de semana, cheio de pássaros a cantar, e encantar!