quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Poema da Vida - Poesia

Entre omissões e atitudes firmes,
A vida constrói caminhos retos ou tortuosos.
Tem curvas, ondulações e até direção imigre.
Vai depender da reação diante do oposto.
As atitudes têm por finalidade escrever um destino,
É responsabilidade do próprio a sua vida.
Culpar os outros é cultura cheia de desatino,
Deve-se amadurecer diante das más investidas...
Neste perde e ganha se aprende como é.
Ação e reação, sem nenhuma interferência!
Nunca duvide do valor da vida,
Ela surpreende quando menos se espera!
A vida pode ser bela ou mesmo sofrida,
E todos neste mundo pode se machucar...
A generosidade torna a vida mais digna,
Depende só da personalidade e do caráter!
Ao trazer esperança de uma alegria infinita,
Sem o sofrimento que tanto se apresenta,
A tristeza vai embora e todos reaprendem a sorrir,
Agora, existe uma certeza de que tudo valeu a pena!
Não importa quem seja você ou o que faz,
A oportunidade é para quem tem na vida, ousadia!
Tudo o que aconteceu na cidade de Jerusalém,
O planeta ouve o seu eco até hoje em dia!
A vida sábia não tem um final melancólico,
Ela se quer tem fim!
Passa pelo arrependimento e perdão,
Depois vem a reconciliação e restauração,
A santificação e por fim, a salvação!

Nenhum comentário: