quinta-feira, 23 de maio de 2013

Venha Ver o Pôr do Sol! - Poesia

Venha ver o pôr do sol,
Sobre as pedras do Arpoador.
O dia vai junto ao encanto do arrebol,
Como se fosse um grande despertador!

As mulheres de agora, do tipo periguete...
Não dispensam as minissaias sobre os minúsculos biquines...
A rapaziada enlouquece, não sabe para onde olhar!
Em todos os lugares cariocas tem a exuberância da mulher.
Um convite para buscar alguém que queira de fato amar!
No passado era só a de Ipanema, hoje elas se multiplicaram pelas praias...

A alegria vem desde a brisa da manhã até ao pôr do sol...
Da entrada da noite, no momento vespertino;
A lua cheia reina gloriosa até ao amanhecer,
Esperando o momento matutino para ver o sol de novo resplandecer...

Enquanto isso!

Na areia da praia pinta um novo colorido, mais um dia de lazer, algo muito divino...
E na pedra do Arpoador em pleno entardecer, vem o novo pôr do sol, que lindo prazer.

Venha ver o pôr do sol!

3 comentários:

Filha do Rei disse...

Linda descrição poética.Ainda conhecerei este pôr do sol do Arpoador.Bjs

Lucinalva disse...

Olá Djalma

Contemplar o pôr do sol é algo esplêndido, parabéns pela bela poesia amigo. Um forte abraço.

Ateliê Tribo de Judá disse...

Olá amigo,

Sabemos que a beleza é incontestável, porém devemos entender que esta beleza logo ali ...só é percebida por quem tem a luz dentro de si, essa luz que faz o cotidiano mágico, único e divino.
Bom final de semana.
beijos
Joelma