segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Alegria - Poesia

A alegria do palhaço contagia
Contagia todas as crianças
Crianças que não tem idade
Idade que nos fazem crianças

Crianças enrugadinhas e felizes
Felizes por terem algo especial
Especial amor dentro do coração
Coração acariciado pelo Pai Celestial

Celestial é o ser criador
Criador de tudo o que vemos
Vemos a natureza a nossa volta
Volta e meia vamos dar

Dar a alegria que temos em nós
Nós e eles no mesmo balanço
Balança o corpo na linda dança
Dança e beijos de salada mista

Mista de sonhos e brincadeiras
Brincadeiras que nem a do Zé pereira
Pereira que subiu na árvore
Árvore que amarra a corda pra balançar

Balançar na ginga da capoeira
Capoeira na grande e alegre roda
Roda viva é alegria garantida
Garantida pelo moço do parque

Parque onde se escorrega
Escorrega-se para brincar
Brincando vai se distraindo
Distraído para se alegrar 

Nenhum comentário: