terça-feira, 29 de outubro de 2013

Liberdade! - Poesia


Sempre que busco algo percebo que falta alguma coisa.
Serão asas para voar?
Ás vezes eu cativo o julgo opressor.
Será defesa por medo de amarelar?
Os passos não são maiores que as pernas,
Dar cada um deles de cada vez é uma sábia atitude.
Será que vivo temeroso com o final da história?
Orgulhoso preciso caminhar,
Desatando todo nó que insiste em me prender!
Chuto qualquer laço que me apareça,
Pela necessidade da autoafirmação.
O voo é livre,
O choro também!
A liberdade me instiga,
A fragilidade me domina!
A prisão me oprime,
Matar a fome me sacia!
Derrubar mitos é algo incrível,
Mas ficar no casulo é mais tranquilo, zona de conforto!
Os hábitos que derrubam,
São os mesmo derrubados pelos desbravadores da felicidade.
Liberdade aos jovens,
Liberdade aos jovens que amam,
Liberdade aos jovens programas,
Liberdade! 

Um comentário:

Anônimo disse...

Legal cara gostei muito da poesia ,liberdade buscamos libertar sempre !!!
Wagner