terça-feira, 20 de maio de 2014

O Mundo - Poesia


Quantas vezes se busca ser esperto,
Achando que o mundo conspira a favor...
Mas a realidade é outra de fato!
No final será um frio na barriga com terror,
E a vergonha se apresenta, seja onde for!

O sonho é o primeiro a se apresentar,
Conspira para a realidade acontecer...
No mundo devemos saber por onde andar,
E a honestidade sempre deve prevalecer!
Para depois não poder da vida, reclamar...

Quando a honestidade mostra a sua cara,
Faz de toda uma vida grande e belo exemplo.
Já a esperteza quando um dia descoberta,
Vira vergonha para qualquer ser horrendo.
Escolha: vida destruída ou alma enobrecida.

Um comentário:

Lucinalva disse...

Olá Djalma

Linda poesia. Precisamos andar neste mundo com prudência e honestidade. Bjs querida.